Fátima Bernardes é detonada por Bolsonaro: “Marginais da mídia”.


Em vídeo no YouTube, Bolsonaro detonou: “Fátima Bernardes prefere conduzir o seu programa dando mais atenção a um traficante ferido do que a um policial ferido”. Assista acima.

A apresentadora Fátima Bernardes se envolveu em uma enorme polêmica após fazer uma simples enquete durante seu programa na TV. Para quem não sabe do que se trata, na semana passada, Fátima questionou ao vivo quem deveria ser salvo primeiro, um policial ou um traficante, onde ambos estariam feridos, porém o criminoso estaria em estado mais grave ao militar.

Com exceção de um, os convidados do programa escolheram salvar o traficante, o que causou revolta por parte de muitas pessoas nas redes sociais. A apresentadora foi acusada por muita gente de defender traficantes e internautas e policiais foram para as redes atacar Fátima.

No último domingo (20), o deputado Jair Bolsonaro publicou um vídeo atacando a apresentadora. Ele estava no velório dos policiais mortos, após terem o helicóptero onde estavam abatido por criminosos, durante uma operação no Rio neste final de semana.

Segundo Bolsonaro, Fátima e a mídia estão sendo ‘marginais’ ao defenderem direitos humanos apenas para bandidos, além de dizer que a apresentadora prefere dar prioridade para salvar a vida de um traficante do que a de um policial.

O deputado julga enquetes como as da apresentadora como alimentos ao desmerecimento e desrespeito aos policiais.

“Fátima Bernardes prefere conduzir o seu programa dando mais atenção a um traficante ferido do que a um policial ferido, um herói a serviço nosso na rua. Uma política completamente equivocada sobre direitos humanos, onde só a bandidagem encontra guarita junto a esses também marginais defensores dos direitos humanos”, atacou Bolsonaro.

“A mídia tem de valorizar os verdadeiros heróis”, disse ele.

Com informações do KTV, do R7.

Notícias Relacionadas

1 Comentário

  1. DanAQ

    CORRUPÇÃO DA RADIODIFUSÃO
    Não “Marginais da mídia” e sim “Terroristas da Mídia”.

    Esquece ou Não sabe a autoridade (Bolsonaro) que a “jornalista”/”apresentadora” trabalha na TV ABERTA e não na TV FECHADA. Isso aí é RADIODIFUSÃO, que CONSTITUCIONALMENTE e POR LEI FEDERAL, tem o dever, a finalidade, a função, a prioridade de levar ao POVÃO: EDUCAÇÃO, CULTURA, INFORMAÇÃO e PERMITIR A DEMOCRATIZAÇÃO (COMPARTILHAMENTO) DE TODAS ESSAS INFORMAÇÕES.

    Imagine a RADIODIFUSÃO (TV ABERTA = Record, RedeTV, SBT, Bandeirantes, Globo, e outras emissoras abertas nas mãos de religiosos) como uma PRAÇA PÚBLICA.
    Imagine a TV PAGA (TV FECHADA = Sky, OI, NET, CTBC, Vivo, Claro TV, Jet, Sim, Via Cabo, Nossa TV, GVT) como uma BOATE PRIVADA.

    A mídia não é MARGINAL e sim TERRORISTA.

    ACORDA POVO… CORRUPÇÃO DA PETROBRÁS é fichinha para esconder do povo a maior das corrupções (sacrificando a torre para proteger o rei)… A CORRUPÇÃO DA RADIODIFUSÃO.
    AQUI: http://ouvidoriageral.mj.gov.br/ouvidoria -> “consulte sua resposta” -> PROTOCOLOS 120172, 112717, 113927 (analise os anexos).
    São R$5,5 BILHÕES mensais “Trabalhando de Graça para o Povo”? -> http://diversao.terra.com.br/tv/sala-de-tv/blog/2016/08/02/canais-de-tv-aberta-faturam-33-bilhoes-em-publicidade-no-primeiro-semestre-2/
    A maior parte desses BILHÕES, É DO EXCESSO DE EXPLORAÇÃO COMERCIAL. REPATRIAMENTO JÁ.

    RADIODIFUSÃO tem EXCESSO DE EXPLORAÇÃO COMERCIAL. Publicidade dentro dos conteúdos, inclusive PEÇAS DO INTERVALO COMERCIAL.
    RADIODIFUSÃO não tem SAC, não existe protocolação às demandas. O telespectador/público/POVÃO, não tem onde reclamar. Situação bem diferente da TV FECHADA por exemplo.

    CORRUPÇÃO DA RADIODIFUSÃO:
    EXCESSO DE EXPLORAÇÃO COMERCIAL = Estelionato, Peculato, enriquecimento sem justa causa, crimes contra Leis Federai, a Constituição e Direitos Humanos.
    FALTA DE LEGISLAÇÃO ATUALIZADA = Conluio do MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES, MINISTÉRIO DA JUSTIÇA (Classificação indicativa), ANATEL.

    E QUANTO AOS VERDADEIROS HERÓIS

    Eles perderam o respeito e a confiança da população. Precisam recuperá-las, e não vai ser à base do cassetete.
    Talvez: http://saude.ig.com.br/2016-11-19/batalhao-de-choque.html e uma campanha estilo “AMIGOS DA VIZINHANÇA”.

    OBS.: A questão da “TV GLOBINHO”. A LEGISLAÇÃO FALHA DE RADIODIFUSÃO não obriga a estes TERCEIRIZADOS DO SERVIÇO PÚBLICO EDUCATIVO (Os educadores Record, RedeTV, SBT, Bandeirantes, Globo, e outras emissoras abertas nas mãos de religiosos) a terem programação infantil. Assim, com brechas nas LEGISLAÇÕES (Ex.: CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA), a programação infantil foi substituída por PROGRAMAÇÃO ADULTA (auditório, culinários, “jornalísticos”, etc.) de “CLASSIFICAÇÃO LIVRE” recheados com EXCESSO DE EXPLORAÇÃO COMERCIAL. E com um detalhe, A LEI permite a eles se AUTO CLASSIFICAREM (como a SAMARCO que se AUTO FISCALIZAVA). Assim se colocarem por exemplo, cenas de sexo explícito, ou de morte que é o mais comum, em programas de “CLASSIFICAÇÃO LIVRE” como o “FÁTIMA BERNARDES”, seria MUITO DIFÍCIL IMPUTAR RESPONSABILIDADE E PUNIÇÃO à empresa concessionária. TUDO, TECNICAMENTE, LEGAL.

    DanAQ 20161122

Comentários estão suspensos