Temer quer idades diferentes para aposentadorias

CLÁUDIO HUMBERTO

O presidente Michel Temer solicitou estudos mais detalhados ao Ministério da Fazenda com o objetivo de manter idades diferentes para aposentadoria de homens e mulheres, na reforma da Previdência que deverá ser discutida, em caráter conclusivo, já no início de 2017. A tendência em todo o mundo é igualar as idades à volta dos 65 anos. No Brasil, aposenta-se após 180 meses de contribuição, além de ter de atingir valores mínimos na soma da idade com o tempo de contribuição.

Temer: Mulher vive mais que homem, mas essas estatísticas estão proibidas pelo Planalto.
Temer: Mulher vive mais que homem, mas essas estatísticas estão proibidas pelo Planalto.

DIFERENÇA MENOR
Se depender de Michel Temer, homens e mulheres se aposentarão em idades distintas, ainda que reduzindo a diferença de 5 para 3 anos.

CAVALHEIRISMO NA REFORMA
Mulher vive mais que homem, mas essas estatísticas estão proibidas pelo Planalto, nos estudos da reforma da previdência.

LÁ FORA
Nos EUA, ambos os sexos se aposentam aos 66 anos, mas sobe a 67 anos em 2022. Na Alemanha são 65 agora, mas passa a 67 em 2022. (Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais).

Notícias Relacionadas