Vídeo mostra casamento bancado com dinheiro da Lei Rouanet

A Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União deflagraram   a Operação Boca Livre contra fraudes de R$ 180 milhões na Lei Rouanet.
A Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União deflagraram a Operação Boca Livre contra fraudes de R$ 180 milhões na Lei Rouanet.

Um vídeo obtido pela Operação Boca Livre, da Polícia Federal, mostra um casamento bancado com recursos da Lei Rouanet em Florianópolis, em Santa Catarina, segundo a investigação. As imagens mostram um casamento chique realizado na praia de Jurerê Internacional, em maio. Um cantor sertanejo também se apresentou na festa. Segundo a Policia Federal, tudo foi pago com dinheiro que o Ministério da Cultura liberou para custear uma apresentação pública de uma orquestra sinfônica. O noivo e seus pais foram presos na Operação.

O casamento do filho do empresário Antonio Carlos Bellini Amorim, do Grupo Bellini, em Jurerê Internacional em 25 de maio deste ano, seria um dos eventos bancados com verbas da Lei Rouanet. Em dois vídeos sobre o evento, divulgados em redes sociais, um no dia anterior ao casamento e outro na cerimônia, é possível ver os convidados com taças de bebidas caras e muita comemoração.

“Essa operação de hoje detectou já de início R$ 180 milhões, obviamente a investigação vai continuar. Há indícios de mais dinheiro, valor maior ainda desviado”, afirmou Alexandre de Moraes. “A utilização da Lei Rouanet com desvio de finalidade muito grande, não para incentivar a cultura, mas sim para incentivar o crescimento de fortunas pessoais, festas pessoais, festas de final de ano.”

Notícias Relacionadas