Empresa que promove Daniela Mercury está entre as investigadas da PF; Empresária da cantora nega.

A Belili Cultural atua na captação de recursos da Lei Rouanet para promoção de artistas como Daniela Mercury e Roberto Carlos.
O catálogo online da Bellini Cultural diz que a empresa atua na captação de recursos da Lei Rouanet para promoção de artistas como Daniela Mercury e Roberto Carlos.

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira a Operação Boca Livre, que tem como alvos empresas que atuam na captação de recursos por meio da Lei Rouanet. Uma das suspeitas é a empresa Bellini Cultural, responsável pela captação de incentivos, por meio da Lei Rouanet, para a publicação de livros, promoção de grandes artistas. O catálogo online da Bellini informa que a empresa já atua em apresentações artísticas de Roberto Carlos e Daniela Mercury, e exposições de painéis fotográficos, segundo informa a versão online da Revista Veja (Veja.com).

A empresária de Daniela Mercury, Malu Verçosa, disse que a cantora nunca teve relação com a produtora investigada.

Ao todo estão sendo cumpridos 14 mandados de prisão temporária e 37 de busca e apreensão em São Paulo, Rio de Janeiro e no Distrito Federal. Os investigadores apontam que, ao longo de 20 anos, o grupo criminoso conseguiu abocanhar 180 milhões de reais em projetos a partir de superfaturamento de contratos, notas fiscais falsas e projetos duplicados.

Fonte: Veja.com/Rodrigo Rangel/Clique AQUI e leia mais…

Notícias Relacionadas