Vasco bate CRB com gol olímpico; Time alagoano perde pênalti aos 47′.

O Vasco disparou na lidrança da Série B (Foto: Vasco/Divulgação)
O Vasco disparou na liderança da Série B (Foto: Vasco/Divulgação)

O Vasco venceu o CRB por 2 a 1, neste sábado, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o clube carioca segue na liderança da tabela, com 28 pontos e uma vantagem de cinco para o segundo colocado, o Ceará. O CRB estacionou nos 19 pontos, na sexta posição. Na sequência da Série B, o Vasco recebe o Paraná em São Januário na próxima terça-feira, às 20h30 (de Brasília). No mesmo dia, o CRB visita o Joinville às 19h15.

Com Rodrigo suspenso, o Vasco teve uma baixa logo no aquecimento antes do início do jogo. O zagueiro Jomar sentiu dores no joelho e deu lugar a Aislan. O primeiro tempo foi marcado pela agressividade ofensiva do CRB e pela eficiência do Gigante da Colina em seus ataques. Nos primeiros 15 minutos, o time da casa comandou as ações, principalmente pelo setor direito de ataque. O goleiro Martín Silva teve que trabalhar muito. Aos 12 minutos, em cobrança de falta, Jussani encheu o pé e obrigou o uruguaio a fazer uma ótima defesa em dois tempos. Momentos depois, Wellinton Júnior ficou cara a cara com o camisa 1, mas perdeu outra oportunidade, chutando para fora.

A superioridade do CRB virou gol aos 26 minutos. Júlio César recuou para Aislan, que não conseguiu alcançar a bola, e Lúcio Maranhão ficou livre na área para marcar o primeiro gol do jogo. Precisando dar uma resposta rapidamente, o atacante Leandrão recebeu uma boa bola na área aos 29 minutos. O camisa 9 tirou a zaga do CRB da jogada e conseguiu um chute no cantinho do goleiro Juliano, sem chance de defesa. Após o gol, o Gigante da Colina se abriu mais na partida e teve mais uma ótima oportunidade em chute de fora da área de Jorge Henrique aos 43 minutos. O primeiro terminou empatado em 1 a 1.

Com mais organização e posse de bola, o Vasco voltou com tudo no segundo tempo. Antes do primeiro minuto de partida, o meia Nenê encontrou Leandrão em boa posição na área. O atacante cabeceou, e Juliano fez grande defesa. Em lance de bola parada, o CRB respondeu aos 10 minutos. Diego cobrou falta, e Boaventura jogou para fora.

Sem muita chance de finalizar na primeira etapa, o talento de Andrezinho prevaleceu aos 14 minutos do segundo tempo. Em escanteio pela esquerda de ataque do Vasco, o armador cobrou direto e surpreendeu o goleiro Juliano. Golaço olímpico e virada vascaína!

Após ficar na frente o placar, a equipe da casa partiu para cima e o goleiro Martín Silva começou a aparecer mais na partida. Aos 25 minutos, Galdezani encheu o pé de longe e obrigou o uruguaio a fazer grande defesa. Poucos minutos depois, foi a vez de Gerson Magrão, de primeira, tentar o empate e esbarrar no camisa 1 do Vasco.

Mas o melhor ficou guardado para o final. Aos 43 minutos, Galdezani caiu na área, o árbitro mandou seguir, e depois da marcação do assistente, voltou atrás e assinalou o pênalti. Podendo empatar a partida, Diego foi para cobrança e chutou no canto esquerdo de Martín Silva, que pulou para fazer a defesa e garantir o triunfo vascaíno. Final: CRB 1×2 Vasco.

FICHA TÉCNICA – CRB 1X2 VASCO

CRB: Juliano; Bocão, Diego Jussani, Flávio Boaventura e Diego; Matheus Galdezani, Olívio, Dakson (Gerson Magrão) e Luidy (Roger Gaúcho); Wellinton Junior (Assissinho) e Lúcio Maranhão. Técnico: Mazola Júnior
VASCO: Martín Silva; Madson (Yago Pikachu), Luan, Aislan e Julio César (Henrique); Marcelo Mattos, Julio dos Santos, Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique (Éder Luís) e Leandrão. Técnico: Jorginho

Competição: 12ª rodada – Campeonato Brasileiro – Série B
Local: Estádio Rei Pelé, Maceió – AL
Data: 25 de junho de 2016
Horário: 16h30 (Horário de Brasília)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Oberto da Sivla Santos (PB)
Cartões amarelos: Olívio e Diego Jussani (CRB) / Marcelo Mattos, Luan e Nenê (Vasco)
Gols: Lúcio Maranhão (26’/1º Tempo) – CRB/ Leandrão (29’/1º Tempo) e Andrezinho (14’/2º Tempo) – Vasco

Notícias Relacionadas