Paysandu derruba invencibilidade de 17 jogos do Vasco em casa

O Vasco perdeu para o Paysandu por 2 a 0, em São Januário. Mesmo com a derrota, os resultados da rodada mantiveram o Gigante da Colina na liderança da competição, com 22 pontos conquistados. O Atlético-GO poderia ter tomado a liderança, mas perdeu em casa para o CRB por 2 a 1. O Paysandu, que ficaria à beira da zona de rebaixamento, saltou posições e respira tranquilo na tabela. Foi a primeira derrota do técnico Jorginho, em São Januário, em 17 jogos de invencibilidade dos vascaínos jogando em casa.

Os dois gols do Papão foram marcados por Jhonnatan. O próximo desafio dos vascaínos será contra o Londrina, na terça-feira (21 ), no Estádio do Café, às 19h15. No mesmo dia e horário, o Paysandu receberá o Joinville na Curuzu.

Foi a primeira derrota de Jorginho como técnico do Vasco em São Januário. (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br/Divulgação)
Foi a primeira derrota de Jorginho como técnico do Vasco em São Januário. (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br/Divulgação)

O Jogo – No primeiro tempo, a equipe do Paysandu apostou bastante no contra-ataque. Em jogo truncado, o Vasco começou bem a partida, com mais posse de bola e criando duas chances no início. Logo no primeiro minuto, Nenê cobrou uma falta pela direita e acertou a trave, assustando o goleiro Emerson, do Paysandu.

O lateral-direito Madson, juntamente com o volante William, foram algumas das fontes de escape do time em jogadas ofensivas. Aos 18 minutos, o lateral se infiltrou na área e chutou cruzado. O goleiro Emerson, novamente, apareceu bem e fez a defesa em dois tempos.

O Paysandu chegou em dois lances de contra-ataque antes dos 30 minutos. No primeiro, Leandro Cearense achou Rafael Costa bem colocado na área, só que o jogador não aproveitou e cabeceou para fora. Logo na sequência, em cobrança de falta, Rafael tentou marcar, mas parou na boa defesa do goleiro Martín Silva.

Com um bloqueio defensivo muito forte, os paraenses dificultaram o jogo do Vasco e fizeram uma marcação eficiente durante todo o primeiro tempo.

Buscando dar maior velocidade para furar o ferrolho do Paysandu, o técnico Jorginho voltou com Éder Luís no lugar do volante Marcelo Mattos. A equipe vascaína ganhou mais mobilidade na criação de jogadas. Na primeira oportunidade de bola parada, o Vasco quase marcou. Nenê levantou na área, Éder Luís subiu mais que a zaga do Paysandu e cabeceou forte para a defesa de Emerson.

Com o Paysandu bastante retrancado, Jorginho mudou o estilo de jogo da equipe. Leandrão e Caio Monteiro entraram nos lugares de Thalles e William respectivamente. O time não conseguiu pressionar e sofreu dois gols da equipe paraense na reta final de partida. Aos 34, Edson Ratinho recebeu na direita e cruzou na medida para Jhonnatan, que livre na área, cabeceou para o gol. Aos 42 minutos, Jhonnatan voltou a marcar.

Notícias Relacionadas