Suíca defende aproximação dos sindicatos com os trabalhadores nas periferias

Vereador Suíca: ''O desafio do movimento sindical nesse momento é ir para as comunidades''.
Vereador Suíca: ”O desafio do movimento sindical nesse momento é ir para as comunidades”.

Durante reunião da Esquerda Popular Socialista (EPS), tendência interna do PT, em Salvador, neste sábado (4), o vereador Luiz Carlos Suíca (PT) defendeu a aproximação dos sindicatos com os trabalhadores nas periferias. No debate, que aconteceu na sede do Sinergia, a atual situação política e econômica do país foi pautada junto com o impedimento da presidente Dilma Rousseff. Ficou decidido na reunião que nenhuma das demandas dos sindicatos seriam recuadas no governo interino de Michel Temer. “Todas as siglas aqui presentes concordaram em manter a resistência e seguir lutando pelos seus direitos e contra esse governo de golpistas”, aponta Suíca.

O encontro na capital contou com membros do Sinposba, Sinergia, Sidilimp, Sindprev, Sindmoto, Sintell e tantos outros sindicatos. Também esteve o representante da Federação Nacional dos servidores municipais do Rio Grande do Norte, Marcelo Manduca. Além de discutirem as conjunturas políticas nacional, estadual e municipal, os sindicalistas ainda apontaram para os desafios sindicais e para a organização de um grande seminário com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e com outros movimentos populares, como os de juventude, LGBT, negros e mulheres.

“O desafio do movimento sindical nesse momento é ir para as comunidade e fazer o sindicato cidadão, indo onde os trabalhadores moram. Não se pode recuar pautas diante dos governos e temos que construir o trabalho de base, procurando formar os núcleos sindicais nas diversas categorias que ainda não estão organizadas no interior. Além disso, tenho a satisfação de ter recebido o apoio de diversos movimentos sociais, especialmente o sindical”, completa Suíca.

Notícias Relacionadas