“Arraiá do Galinho” levou 40 mil pessoas ao Parque de Exposições

O segundo dia do Arraiá do Galinho levou milhares de pessoas ao Parque de Exposições, na Avenida Paralela, em Salvador. Antes mesmo dos portões serem abertos, às 18h, centenas de pessoas já se aglomeravam nas imediações do parque, na tarde de ontem (04). Segundo os organizadores, cerca de 40 mil pessoas compareceram ao evento, que já é considerado a maior prévia do São João da Bahia.

Vestida de Maria Bonita, Ivete Sangalo levou para o palco do Arraiá o Sanfoneiro Mestrinho.
Vestida de Maria Bonita, Ivete Sangalo levou para o palco do Arraiá o Sanfoneiro Mestrinho.

O arrocha sertanejo, na voz da alagoana e ex-vocalista da banda Limão com Mel, Jeanne Lima, abriu a maratona de shows. Em seguida foi a vez de Amanda Santiago, que trouxe consigo a maturidade musical adquirida ao longo dos 15 anos ao lado do parceiro e padrinho Carlinhos Brown.

Mastruz com Leite animou e emocionou fãs, tocando sucessos que tornaram a banda uma referência no forró nacional. Já passava das 23h quando a “Voz Romântica” colocou a multidão para arrochar. Pablo tocou hits como “Porque Homem Não Chora”, “Bilu Bilu” e “Vingança do Amor”.

Vestida de Maria Bonita, Ivete Sangalo levou para o palco do Arraiá o Sanfoneiro Mestrinho. No repertório, clássicos do forró pé de serra, com as canções de Luiz Gonzaga.

Com a missão de manter a mesma energia que Ivete, o cantor paraibano Iohannes subiu ao palco, às 3h30, e deu conta do recado. A banda sergipana Calcinha Preta fechou a grade de atrações, relembrando sucessos antigos e atuais.

Máquina da Fama

Patrícia Abravanel gravou o Máquina da Fama, exibido no SBT toda segunda-feira, às 23h20, no Arraiá na noite de ontem. Ela entrevistou Ivete Sangalo, mas preferiu guardar segredo sobre os detalhes do programa. “Vocês terão de conferir, vai ser uma grande surpresa”. A apresentadora também subiu ao palco durante o show de Ivete.

Notícias Relacionadas