Vitória perde para o Flamengo por 1 a 0 e segue sem vencer fora de casa

O Vitória não teve forças para encarar o Flamengo (Foto: CRFlamengo/Divulgação)
O Vitória não teve forças para encarar o Flamengo (Foto: CRFlamengo/Divulgação)

O Vitória não teve forças para encarar um Flamengo em crise e acabou perdendo por 1 a 0, em jogo disputado em Volta Redonda (RJ, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2016. Com o resultado, o Leão baiano segue com 5 pontos, sem vencer fora de casa e na tabela ocupando a 13ª colocação. Já o Flamengo foi a 10 pontos e trocou a crise pelo G-4 – é o quarto colocado da competição.

Na próxima rodada, o Flamengo viaja para Brasília e enfrenta o Palmeiras, no Mané Garrincha, às 16h, no domingo. Na 13ª posição, com cinco pontos ganhos, o Vitória joga em casa também no domingo, às 16h. No Barradão, o time baiano recebe o Internacional, líder do Campeonato Brasileiro.

O Vitória conseguiu segurar o empate na etapa inicial, quando teve uma excelente oportunidade num chute de Vander que Kieza chegou atrasado e não conseguiu empurrar a bola para o gol vazio.

Vejas os melhores lances e o gol de Flamengo 1 x 0 Vitória:

Na etapa final, o time mudou a postura, e antes de sofrer o gol por pouco não abriu o marcador: Diego Renan acertou um chute forte de dentro da área e o goleiro Alex Muralha fez uma defesa espetacular.

FLAMENGO 1 X 0 VITÓRIA
CAMPEONATO BRASILEIRO

Local: Estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data: 02/06/2016
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG-ASP. FIFA), assistido por Fabrício Vilarinho da Silva (GO-FIFA) e Fabiano da Silva Ramires (ES-ESP)
Gol: Felipe Vizeu (FLA) aos 19min
Cartão amarelo: Rodinei, Léo Duarte (FLA), Flávio, Kieza e Diego Renan (VIT)
Renda: R$80.375,00
Público: 6 mil e 164 pagantes

FLAMENGO
Alex Muralha; Rodinei, Léo Duarte, César Martins e Jorge; Márcio Araújo, William Arão, Mancuello (Everton) e Alan Patrick (Cuellar); Marcelo Cirino (Gabriel) e Felipe Vizeu
Técnico: Zé Ricardo

VITÓRIA
Fernando Miguel; Maicon Silva, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Amaral (Leandro Domingues), Willian Farias e Flávio; Vander (David), Kieza e Dagoberto (Alípio)
Técnico: Vagner Mancini

Notícias Relacionadas