Vasco tem dificuldade, mas vence o Tupi por 1 a 0 e amplia série invicta.

Em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Vasco venceu o Tupi, pelo placar de 1 a 0, na tarde deste sábado (21/05), em São Januário e ampliou a sua série invicta para 29 jogos. Com o resultado, o Vasco reassumiu a liderança da competição, com seis pontos. O único gol da partida foi marcado pelo zagueiro Luan. Na próxima terça-feira (24), o time do técnico Jorginho irá encarar o Vila Nova-GO, às 21h30, no Mané Garrincha, em Brasília.

Com o resultado, o Vasco chega aos seis pontos e já é o primeiro na tabela. (Foto: CR Vasco da Gama/Divulgação)
Com o resultado, o Vasco chega aos seis pontos e já é o primeiro na tabela. (Foto: CR Vasco da Gama/Divulgação)

O Vasco teve muitas dificuldades diante do Tupi, por conta da forte marcação adversária no campo defensivo. Com apenas um atacante, a equipe de Juiz de Fora chegou com perigo logo no início. O meia Jonathan chutou forte dentro da área, e Martín Silva fez uma grande defesa, mas, no rebote, o volante Filipe Alves acertou o travessão e assustou os vascaínos. O Vasco perdeu o armador Andrezinho logo na sequência, sendo subtituído por Evander.

Após o lance inicial, o Vasco cresceu e não deu mais nenhum espaço para Tupi. Mesmo com a posse de bola, o Gigante da Colina não conseguiu criar muitas oportunidades. Aos 20 minutos, Nenê encontrou Thalles em excelente posição na área. O atacante dominou e chutou cruzado para a defesa de Glaysson.

O gol do Vasco saiu de bola parada. Em excelente cobrança de falta aos 37 minutos, Nenê deixa na medida para Luan, que desviou de cabeça para o fundo da rede. Vasco 1×0 Tupi.

Com uma postura diferente na segunda etapa, o Vasco começou pressionando o time de Minas. Aos 2 minutos, Nenê tocou de calcanhar para Evander, que cabeceou de volta para o camisa 10. Na hora do chute, a bola foi por cima do gol. Na sequência, o jovem armador arriscou de longe e novamente levou perigo ao gol de Glaysson. O Cruzmaltino chegou a atacar com sete jogadores no início de partida.

Apostando somente nos contra-ataques, o Tupi conseguiu roubar uma bola dos pés de Jorge Henrique aos 22 minutos. Na conclusão da jogada, Marcos Serrato acertou um chute impressionante de fora da área, que acertou o travesão e quase surpreendeu o uruguaio camisa 1 do Vasco. Poucos minutos depois, Giancarlo escorou para Henrique, que mandou uma bomba dentro da área e obrigou Martín a fazer mais uma boa defesa.

Aos 32 minutos, o meia Jonathan entrou de sola em Evander e foi expulso pelo árbitro. Com um a mais na partida, os vascaínos tomaram conta da partida e tiveram mais algumas chances de aumentar o placar com Thalles, Yago Pikachu e Nenê, mas todos pararam nas boas defesas de Glaysson. Mesmo assim, o Vasco garantiu a segunda vitória no Brasileiro da Série B: 1 a 0 sobre o Tupi.

VASCO 1X0 TUPI-MG

VASCO: Martín Silva; Yago Pikachu, Luan, Rodrigo e Julio César (Henrique); Marcelo Mattos, Julio dos Santos, Andrezinho (Evander e depois Diguinho) e Nenê; Jorge Henrique e Thalles.
Técnico: Jorginho

TUPI: Glaysson; Filippe Formiga, Heitor, Rodolfo Mol e Bruno Costa; Filipe Alves (Henrique), Marcos Serrato, Rafael Jataí e Jonathan; Thiago Silvy (Ygor) e Giancarlo (Gabriel Sacilotto).
Técnico: Ricardo Drubscky.

Local: São Januário, Rio
Data: 21 de maio de 2016
Horário: 16h (Horário de Brasília)
Público presente: 5.460 / Pagantes: 4.460
Renda: R$147.035,00
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento
Assistentes: Pedro Jorge Santos de Araujo e Brigida Cirilo Ferreira
Cartões amarelos: Yago Pikachu, Evander, Thalles e Martín Silva (Vasco) / Filippe Formiga e Rafael Jataí (Tupi)
Cartão vermelho: Jonathan (Tupi)
Gols: Luan (37’/1ºTempo)

Notícias Relacionadas