Para Otto Alencar, Temer tem o “diagnóstico perfeito” do país.

Otto Alencar,senador, (Foto Pedro França, Agência Senado)
Otto Alencar,senador, (Foto Pedro França, Agência Senado)

Após assumir a presidência interina, o peemedebista Michel Temer anunciou a extinção de nove ministérios, reduzindo o número total de 32 para 23. Entre eles, o Ministério da Cultura, o que causou duras reações no país.

Contra o impeachment, o senador Otto Alencar (PSD) comentou o assunto e afirmou, em entrevista à rádio Metrópole, que Temer ‘tem o diagnóstico perfeito do país’.

Rombo – “A situação é muito complicada. Ele colocou o ministério de acordo com o país e o que se espera é que se ache uma solução para o Brasil. A situação fiscal é difícil, um rombo de quase R$ 120 bilhões. [Ele] espera que Congresso tome medidas e é uma coisa que deveria ter sido feita há muito tempo”, opinou.

Notícias Relacionadas