Obama aguarda mudanças políticas para rever sanções à Síria

Barack Obama
Barack Obama

Agência Lusa – A Casa Branca declarou hoje (4) que os Estados Unidos pretendem primeiramente avaliar as mudanças no governo sírio antes de decidir se vão revogar ou rever as sanções impostas a Damasco. O presidente dos EUA, Barack Obama, já prorrogou as sanções, primeiramente impostas em 2006. Desta maneira, 11 de maio já não é o prazo final para estas medidas restritivas.

A justificativa adotada por Obama é a instabilidade no país, resultado da guerra civil contínua, agravada pela atuação de grupos terroristas, como o Estado Islâmico.

O conflito armado na Síria continua desde 2011. A Organização das Nações Unidas (ONU) estima que o conflito já tenha feito mais de 250 mil mortos e forçado milhões de pessoas a se deslocarem. Esses dados, porém, são incompletos, pois é difícil fazer cálculos exatos, especialmente em áreas onde a violência e os combates continuam.

Notícias Relacionadas