Alguns manifestantes contra impeachment deixam Esplanada; grupo a favor comemora

Yara Aquino e Marcelo Brandão
Repórteres da Agência Brasil

Lideranças que estão no carro de som do ato chegaram a pedir para os participantes não se desmobilizarem (Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Lideranças que estão no carro de som do ato chegaram a pedir para os participantes não se desmobilizarem (Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Com a votação adiantada e o placar desfavorável a presidenta Dilma Rousseff, é possível ver alguns manifestantes contra o impeachment deixando a parte central da Esplanada dos Ministérios e caminhando para a via lateral onde estão estacionados os carros de quem veio participar da mobilização. Lideranças que estão no carro de som do ato chegaram a pedir para os participantes não se desmobilizarem e aguardarem o final da votação no plenário da Câmara.

A dentista Moema Cardoso,32 anos, decidiu deixar a Esplanada antes do resultado final por temer a intensa movimentação quando todos forem deixar o local. “Estou indo embora porque temo que os ânimos fiquem exaltados e também o trânsito intenso da saída”, disse.

Do lado a favor do impeachment, as cerca de 40 mil pessoas, segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, continuam atentas a cada voto proferido nos telões espalhados do lado direito da Esplanada. Cada “sim” é comemorado como um gol em final de campeonato. A animação é intensa e a expectativa da aprovação do impeachment na Câmara cresce.

“A gente está lutando por um Brasil melhor. É o começo de uma mudança a longo prazo e se a gente não estiver aqui fora para pressionar nossos representantes a gente não vai a lugar nenhum”, disse o servidor público Pedro Ivo, 26.

O clima é de tranquilidade do lado direito da Esplanada. Pessoas transitam com faixas criticando a presidenta Dilma, elogiando o trabalho do juiz Sérgio Moro, aguardando o desfecho da sessão na Câmara. O movimento de carros e pedestres na via S2, dos anexos dos ministérios, também é grande.

Notícias Relacionadas