Em “Velho Chico”, Santo desiste de brigar por ideais.

Santo se mostra desanimado em conversa com Olívia (Foto: Caiuá Franco/ Globo)
Santo se mostra desanimado em conversa com Olívia (Foto: Caiuá Franco/ Globo)

Sempre pensando no crescimento de sua região, Santo (Domingos Montagner) fez de tudo para fundar uma cooperativa em Grotas do São Francisco. Mas, desde que a presidência passou para outro produtor, os inadimpletes foram aparecendo e a qualidade dos produtos foi caindo, deixando os compradores descontentes com o serviço.

Ao ver a situação indo de mal a pior, Olívia (Giullia Buscacio) pede que o pai faça alguma coisa para reverter o quadro. Só que ele garante que lavou suas mãos. “Essa cooperativa que tá aí não é meu sonho! Nem é o de painho, muito menos do capitão Rosa! Nosso sonho era uma cooperativa solidária, integrada, unida com grandes e pequenos produtores e as comunidades!”, ele destaca.

Incrédula, a garota pergunta se ele também vai desistir de lutar pela continuação da estrada que chegaria à sua fazenda e às de outros pequenos produtores. Santo responde que só a propriedade de Afrânio (Antonio Fagundes) foi beneficiada pela obra e afirma que não adianta mais brigar por seus ideais: “Eu não sou político, nem delegado, muito menos coronel, Olívia. Eu sou só plantadô”.

Esta cena de “Velho Chico” está prevista para esta quarta-feira, 13/4.

Notícias Relacionadas