Primeiro capítulo de ‘Liberdade, Liberdade’: Rubião é torturado e trai Tiradentes

Rubião é torturado (Foto: Felipe Monteiro / TV Globo/Divulgação)
Rubião é torturado (Foto: Felipe Monteiro / TV Globo/Divulgação)

A Coroa Portuguesa iniciou uma ação de caça aos homens considerados traidores, os inconfidentes. José Maria Rubião (Mateus Solano) e Tiradentes (Thiago Lacerda) foram capturados em Vila Rica e estão presos no Rio de Janeiro.
Em sua cela, Rubião é covardemente torturado. “A gente só precisa de um nome, o do líder”, diz um dos guardas. Rubião percebe que outra pessoa está ali: “Silvério. Seu traidor”, grita ele. “Fala duma vez, homem. Em troca, tua pena será comutada. Quem trouxe o livro? Quem é o cabeça da insurreição?”, diz Joaquim Silvério dos Reis (Ricardo Dantas), que, até então, também estava ao lado de Tiradentes na luta.

Rubião sofre nas mãos dos soldados e, desesperado e com medo de mais torturas, decide revelar o que sabe: “O alferes. O Tiradentes. O livro está com ele”. A partir deste momento, José Maria Rubião muda seu destino e se tornará um dos súditos mais fiéis da Coroa Portuguesa.

”Liberdade, Liberdade” estreia nesta segunda-feira, na Globo.

Liberdade, Liberdade é uma novela de Mario Teixeira baseada em argumento de Marcia Prates, livremente inspirada no livro “Joaquina, Filha do Tiradentes”, de Maria José de Queiroz. A direção artística é de Vinícius Coimbra.

Notícias Relacionadas