Embasa espera concluir até o meio dia reparo na adutora que rompeu na Paralela

A água se espalhou pela pista da Paralela, no sentido centro. (Foto: Reprodução/Imagem TV Bahia)
A água se espalhou pela pista da Paralela, no sentido centro. (Foto: Reprodução/Imagem TV Bahia)

A Embasa acredita que serviço de reparo na adutora que rompeu nesta segunda-feira (4) na avenida Paralela, deve ser finalizado na manhã de hoje (5). O acidente deixou 17 localidades sem água. Segundo a Embasa, trabalhadores passaram a noite no local, fazendo o os reparos na adutora, que rompou dentro de um canteiro de obras da Linha 2 do metrô.

Luis Valença, presidente da CCR, empresa responsável pelas obras do metrô, afirmou que a empresa está investigando o ocorrido e adiantou que tudo leva a crer que foi uma falha estrutural.

De acordo com a assessoria da Embasa, o serviço foi suspenso em Alphaville, Costa Verde, Jardim Vila Verde, Mussurunga, Av. Orlando Gomes, Av. Paralela, São Cristovão, Trobogi, Alto do Coqueirinho, Itapuã, Nova Brasília, Nova Conquista, Bairro da Paz, Praias do Flamengo, Stella Maris, Jardim Piatã e Mussurunga. Após o rompimento da tubulação, um grande volume de água atingiu a pista Avenida Paralela, no sentido centro da cidade.

Notícias Relacionadas