São Paulo vence o Oeste na reabertura do Morumbi e fica perto da classificação

A vitória do São Paulo no retorno ao Morumbi foi sofrida (Foto: SPFC/Divulgação)
A vitória do São Paulo no retorno ao Morumbi foi sofrida (Foto: SPFC/Divulgação)

Na reestreia do Morumbi, que passou todo o início de 2016 reformando o gramado, o São Paulo venceu o Oeste por 2 a 1 nesta 14ª rodada do Paulistão Itaipava e deu um importante passo para a classificação à próxima fase. O placar deste sábado (2) deixou o time da casa com 22 pontos no Grupo C, enquanto o adversário está matematicamente rebaixado à Série A2 de 2017, com apenas 12 pontos no Grupo A – o primeiro time fora da zona tem 16.

O jogo marcou a dispensa de Renan Freitas na comissão técnica do Oeste. Ele assumiu o time profissional na Série B do Campeonato Brasileiro da última temporada e com o tempo ganhou a confiança da diretoria. No estadual foram três vitórias, três empates e sete derrotas, com 30,8% de aproveitamento. Ele vinha de três jogos sem vitória, na lanterna do Grupo A.

Dentro de casa mais uma vez, o São Paulo começou em cima do adversário. O técnico argentino Edgardo Bauza mandou o time com a marcação alta, no campo ofensivo, mantendo a posse de bola próxima ao gol. Com isso, o goleiro Leandro Santos teve bastante trabalho nos minutos iniciais.

Aparentemente ainda nervoso, o Oeste demorou para se encontrar em campo. O time do interino Serjão tentava controlar as decidas do adversário pelas laterais e só conseguiu assustar de verdade aos 43 minutos. Quebrando a marcação, Mazinho abriu bonito para Fernandinho, que invadiu a grande área e cruzou. Cristiano entrou sozinho no segundo pau e só escorou para o fundo das redes.

Quando o árbitro Raphael Claus apitou novamente no estádio do Morumbi, o São Paulo voltou assim como no início do jogo: pressionando o adversário, principalmente na bola aérea. Tanto que, aos 10 minutos, Bruno levantou à meia altura na grande área e Hudson acertou um toque de sorte, que encobriu o goleiro Leandro Santos e decretou o empate.

Com muita posse de bola, o time da casa não aproveitava para finalizar e começou a irritar uma parte da torcida. Até que, em um contra-ataque rápido no meio campo, Ganso lançou Calleri no campo ofensivo. O argentino tentou tirar goleiro e acabou tocado dentro da área, caracterizando o pênalti. Na cobrança o zagueiro Maicon não conseguiu vencer Leandro Santos, que vôo para o canto direito.

Mas o futebol gosta de guardar surpresas ao torcedor. Aos 45, quando a esperança já estava se apagando junto com as luzes do estádio, Mena apareceu pelo lado esquerdo e cruzou na pequena área. O jovem Lucas Fernandes arriscou um voleio, mas pegou muito mal na bola, que acabou sobrando nos pés mais uma vez do zagueiro Maicon, que desta vez não desperdiçou e decretou a vitória do São Paulo – e o rebaixamento do Oeste.

Na última rodada desta primeira fase do Paulistão Itaipava, o Oeste recebe o XV de Piracicaba no estádios dos Amaros, em Itápolis, no jogo que pode definir o rebaixamento. Como todos os jogos estão marcados para as 16 horas do próximo domingo (3), o São Paulo viaja para Sorocaba enfrentar o São Bento no estádio Walter Ribeiro.

Notícias Relacionadas