Reinaldo se vinga e Ponte Preta derrota o São Paulo em Campinas

Na segunda partida sob comando de Alexandre Gallo, com  forte esquema de marcação no meio-campo, a Macaca (de amarelo) derrotou o São Paulo. (Foto:  Rubens Chiri / saopaulofc.net/Divulgação)
Na segunda partida sob comando de Alexandre Gallo, com forte esquema de marcação no meio-campo, a Macaca (de amarelo) derrotou o São Paulo. (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net/Divulgação)

AGÊNCIA FPF

Com gol de seu ex-jogador – Reinaldo pertence ao clube do Morumbi -, o São Paulo acabou conhecendo sua segunda derrota no Paulistão Itaipava ao perder para a Ponte Preta pelo placar de 1 a 0 na noite deste sábado, no Estádio Moisés Lucarelli, pela nona rodada. A equipe campineira começa a se afastar da zona de rebaixamento. (Confira ao final do texto ao vídeo com os melhores momentos do jogo).

Sob o comando do técnico Alexandre Gallo, a Ponte Preta venceu as duas partidas em que disputou, entrando assim na briga pela classificação no Grupo B com nove pontos. O São Paulo, por sua vez, fica na vice-liderança do Grupo C, com dez, atrás da Ferroviária.

Contado com o apoio de seus torcedores, que compareceram em bom número no Moisés Lucarelli, a Ponte Preta foi para cima do São Paulo e chegou com perigo aos cinco minutos. Ferrugem fez boa jogada pelo lado direito de campo e tocou para Felipe Azevedo, que foi travado por Lugano. Dênis evitou pegar a bola com a mão e por pouco não acabou se complicando.

A resposta do São Paulo veio na sequência. Ganso recebeu dentro da área e tentou por cobertura. A bola carimbou o travessão. Apesar do bom momento da equipe visitante, era a Ponte Preta quem mandava na partida e acabou abrindo o placar aos 42 minutos. Jeferson Paulista rolou para Reinaldo bater rasteiro, sem chances para Denis.

No segundo tempo, o São Paulo se abriu e foi em busca do empate. Aos oito minutos, Carlinhos cruzou, Calleri desviou, mas João Carlos fez grande defesa. Na sequência, Lugano, após cobrança de escanteio, mandou rente à trave.

Nos minutos finais, o São Paulo foi para o tudo ou nada. Rogério teve grande chance de marcar, mas parou em João Carlos. Denis também fez um milagre na tentativa de Clayson. A equipe campineira se segurou e conquistou três pontos importantes em termos de classificação.

Na próxima rodada, o São Paulo encara o São Bernardo no sábado, às 16h, no Pacaembu. No mesmo dia, às 18h30, a Ponte Preta pega o XV de Piracicaba no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

Notícias Relacionadas