Fred marca três, mas Fluminense acaba empatando com o madureira

Fred brilhou, mas o Flu acabou cedendo empate ao Madureira (Foto: FFC/Divulgação)
Fred brilhou, mas o Flu acabou cedendo empate ao Madureira (Foto: FFC/Divulgação)
O capitão Fred estava em uma noite brilhante e muito inspirada: marcou três vezes, chegou a 167 gols e ultrapassou Hércules no posto de terceiro maior artilheiro da história do Fluminense, mas o time tricolor ficou no empate em 3 a 3 contra o Madureira na tarde desta quinta-feira, 11, no Moacyrzão, em Macaé, em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Carioca. Após sair atrás por 2 a 0 e buscar a virada na segunda etapa, o Tricolor foi castigado com gol fim.

Na próxima rodada, o Fluminense enfrenta a equipe do Tigres do Brasil, às 19h30, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, pela quarta rodada do Estadual.

De tanto insistir, o Fluminense conseguiu o empate. Em belo cruzamento de Gustavo Scarpa da esquerda, Fred se jogou na bola de carrinho e só escorou para o fundo do gol, igualando o marcador e levantando a torcida tricolor presente em Macaé. Nesse momento, o camisa 9 se tornou o terceiro maior artilheiro da história de forma isolada, com 166 gols. Mas o capitão não parou por aí.

Aos 23 minutos, veio o hat-trick. Wellington Silva fez o cruzamento, o estreante da tarde Diego Souza escorou de cabeça para a área, e Fred, livre, dominou e estufou as redes adversárias para marcar o terceiro dele e do Fluminense, virando o jogo em Macaé. Muito cansado por conta do gramado pesado, o camisa 9 foi substituído logo depois por Douglas, que recompôs o meio-campo após as substituições ofensivas em busca do resultado.

O Fluminense estava muito mais perto do quarto gol, em em bola cruzada do lado esquerdo, o zagueiro do Madureira, Jorge Felipe, em posição duvidosa, cabeceou para o gol, tirando qualquer chance de defesa de Cavalieri e deixou tudo igual, dando números finais ao jogo. Um castigo que o Time de Guerreiros não merecia por toda a entrega durante a partida.

MADUREIRA 3 X 3 FLUMINENSE

Madureira: Rafael; Formiga; Daniel, Jorge Felipe e Gerley (Arthur Faria, Carlos Antônio); William, Everton, Leandro Chaves (Paulo Renê) e Geovane Maranhão; Ernani e João Carlos – Técnico: Alfredo Sampaio.

Fluminense: Diego Cavalieri; Wellington Silva, Henrique, Marlon Santos e Giovanni (Marcos Junior); Pierre (Magno Alves), Cícero, Gustavo Scarpa, Daniel e Diego Souza; Fred (Douglas) – Técnico: Eduardo Baptista.

Data e hora: 11/02/2016, às 19h30 (horário de Brasília)
Local: Moacyrzão, em Macaé (RJ)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Auxiliares: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Michel Correia (RJ)
Gols: Formiga, aos 7?/1º tempo (1-0); João Carlos, aos 33?/1º tempo (2-0); Fred, aos 34?/1º tempo (2-1), 11?/2º tempo (2-2) e 23?/2º tempo (2-3) e Jorge Felipe, aos 44?/2º tempo (3-3)
Cartões amarelos: William, Everton, Rafael (MAD); Henrique, Marcos Junior, Daniel e Wellington Silva (FLU)
Cartão vermelho: Ernani (MAD)
Público / renda: 1.379 pagantes e 1.743 presentes / R$ 36.620,00

Notícias Relacionadas