Maragojipe mantém criatividade e tradição do Carnaval de Máscaras

Este ano, inspirada no tema ‘O Carnaval de Máscaras da Bahia’, a cidade se tornou um baile de máscaras a céu aberto (Foto: Secom)
Este ano, inspirada no tema ‘O Carnaval de Máscaras da Bahia’, a cidade se tornou um baile de máscaras a céu aberto (Foto: Secom)

Aos poucos a praça principal da cidade ganha cores. Fantasias e máscaras se multiplicam – pierrôs, colombinas, bailarinas. Do mundo ‘animal’ surgem onças, tigresas, borboletas. Grupos de amigos, famílias inteiras se preparam durante meses para manter a tradição secular inspirada no Carnaval de Veneza, na Itália. Assim se apresenta o Carnaval de Maragojipe, reconhecido pelo Instituto do Patrimônio Artístico Cultural (Ipac), unidade da Secretaria de Cultura do Estado (Secult), em 2009, como Patrimônio Imaterial da Bahia.

Este ano, inspirada no tema ‘O Carnaval de Máscaras da Bahia’, a cidade se tornou um baile de máscaras a céu aberto, divertindo os foliões que chegam de todas as partes do Brasil e do exterior. O Carnaval de Maragojipe integra a programação do Carnaval da Cultura, promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secult. No palco montado no centro da praça, o desfile de fantasias atraiu olhares.

No local, o secretário de Cultura do Estado, Jorge Portugal, ao lado da prefeita de Maragojipe, Vera Lucia dos Santos, ressaltou a importância do evento.“Parabenizo essa cidade por manter essa tradição. Podemos ir até a máxima tecnologia com os trios e retornar ao passado com o Carnaval de Veneza, com o Carnaval de Maragojipe”, afirmou Portugal. O festejo popular preserva a essência dos antigos carnavais, tendo como principal atrativo para a visitação dos turistas o desfile de máscaras e fantasias.

Em Maragojipe, o secretário visitou a Casa de Cultura que abriga o projeto ‘Matizes de um Carnaval – Memória e Valorização de um Povo’, um dos 110 apoiados pelo Fundo de Cultura da Bahia, mecanismo de fomento à cultura gerido pelas secretarias de Cultura e da Fazenda (Sefaz-BA), que visa promover a dinamização dos espaços culturais.

Notícias Relacionadas