Ninguém mais duvida que o PMDB tem que buscar seu caminho, diz Cunha

Ana Cristina Campos
Da Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse hoje (17) que o partido terá candidato à Presidência da República em 2018 e vai disputar as eleições municipais em 2016 com seus candidatos.

Os presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha, participam do Congresso da Fundação Ulysses Guimarães e do PMDB, em Brasília  (Foto: José Cruz/Agência Brasil)
Os presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha, participam do Congresso da Fundação Ulysses Guimarães e do PMDB, em Brasília (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

“Ninguém mais tem dúvida que o PMDB tem que buscar seu caminho próprio. Time que não joga, não tem torcida. Isso acabou. E haverá discussão se o PMDB tem ou não tem que ficar atrelado ao projeto que aí está. Nós não temos compromisso com aquilo que está sendo colocado, porque não participamos da sua formação. Sem que nossa voz possa ser ouvida, o PMDB tem que buscar seu caminho. E essa voz não pode ser abafada por meia dúzia de carguinhos para poder calar aqueles que não têm compromisso com o partido”, afirmou Cunha, em discurso no Congresso da Fundação Ulysses Guimarães, em Brasília.

Cunha rompeu com o governo em julho e tenta convencer seu partido a ter o mesmo posicionamento. No encontro, os peemedebistas debatem o programa Uma Ponte para o Futuro, documento com propostas para tirar o Brasil da crise, divulgado em outubro.

Notícias Relacionadas