Alan Sanches diz que morte de bebê poderia ter sido evitada em SAJ

O deputado estadual Alan Sanches (PSD) cobrou nesta segunda-feira na Assembleia Legislativa da Bahia o cumprimento por parte da prefeitura de Santo Antonio de Jesus de convênio firmado com a Santa Casa de Misericórdia (Hospital Maternidade Luís Argolo), instituição filantrópica. O deputado relata que atual gestão já deixou de creditar para a Santa Casa, nada menos, que R$ 640 mil.

“E por conta do descumprimento do acordo e ainda do atraso do repasse do Estado, também por parte do executivo municipal, a Santa Casa vive momentos de caos. Neste sábado (26) uma moradora da cidade teve que dá à luz a um filho na recepção do hospital e, infelizmente o seu bebê acabou morrendo, pois não havia médico plantonista na unidade. Essa tragédia poderia ter sido evitada, pois, com o recurso do convênio mais profissionais já teriam sido contratados e os funcionários que integram o quadro estariam com seus salários em dia”.

Diante da gravidade do problema, o parlamentar conclamou pela sensibilidade da prefeitura de SAJ. “Estamos falando de vidas, de um hospital que atende em sua maioria à famílias carentes”.

Notícias Relacionadas