Ministério prepara aplicativo de celular para auxiliar na busca a desaparecidos

Yara Aquino
Repórter da Agência Brasil

Um aplicativo de celular gratuito para auxiliar na busca de pessoas desaparecidas será lançado pelo Ministério da Justiça nos próximos meses. Com dados sobre desaparecidos, a ferramenta vai integrar o Sinesp Cidadão que atualmente permite consultar informações sobre carros roubados e mandados de prisão.

“Queremos colocar todos os dados acessíveis aos cidadãos para que possam saber quem está desaparecido e possam nos ajudar. Vai ser um grande avanço nas políticas dessa área”, disse o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, no lançamento do Sinesp Cidadão.

Na última quinta-feira (24), o ministério lançou a ferramenta, que permite consultar mandados de prisão pelo celular. O novo recurso faz parte do aplicativo Sinesp Cidadão e permite identificar pessoas procuradas pela Justiça em um cadastro nacional com registro de 352 mil mandados de prisão.

O ministério da Justiça também apresentou balanço dos resultados da primeira ferramenta do Sinesp Cidadão, que disponibiliza a consulta a informações de veículos roubados registrados na base nacional do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Em quatro meses, 33 mil veículos foram recuperados por meio de consultas feitas pela população.

Notícias Relacionadas