Adolescente confessa que matou quatro no bairro da Liberdade

Flagrado com um revólver calibre 38 e numeração raspada, em Cajazeiras, Douglas Santana de Sousa, 18 anos, foi conduzido ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde confessou a autoria de quatro assassinatos no bairro da Liberdade, no ano de 2010. Uma equipe da 2ª Delegacia de Homicídios (Central) capturou o criminoso na Quadra A, em Cajazeiras XI.

A titular da 2ª DH, delegada Clelba Regina Teles, revelou que os investigadores estavam no local para cumprir mandados de prisão de homicidas que atuam no bairro, esclarecendo que, no depoimento de Douglas, ele afirmou ter assassinado, quando adolescente, dois traficantes (conhecidos por “Luquinhas” e “Piloto”), por estes terem matado a tia de sua companheira.

Confessou ainda os assassinatos de duas outras pessoas, também na Liberdade, mas não declarou os nomes nem a motivação dos crimes. Autuado por porte ilegal de arma, foi encaminhado ao sistema prisional. O revólver apreendido seguiu para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Notícias Relacionadas