Marco Polo del Nero é o novo presidente da Confederação Brasileira de Futebol

Alana Gandra
Repórter da Agência Brasil

Marco Polo Del Nero (à direita) recebe o cumprimento de José Maria Marin
Marco Polo Del Nero (à direita) recebe o cumprimento de José Maria Marin
O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo del Nero, foi eleito hoje (16) presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Del Nero assumirá o cargo em abril do ano que vem e terá mandato de quatro anos, até 2019.

Candidato único, Del Nero teve 44 votos. Houve 2 votos em branco, das federações do Rio Grande do Sul e do Paraná, e 1 abstenção, do presidente do clube Figueirense, de Santa Catarina, Vilfredo Brilinger.

Ele substituirá o atual presidente, José Maria Marin, que está no cargo desde março de 2012. Marin era um dos vice-presidentes da CBF e entrou no lugar de Ricardo Teixeira, que renunciou após ser envolvido em denúncias de corrupção.

O presidente eleito demonstrou modéstia ao falar dos seus planos para quando assumir a entidade.

– Nesses anos todos, como dirigente esportivo, aprendi com muitos companheiros, como tem acontecido neste convívio com o presidente Marin. O homem inteligente é aquele que procura aprender cada vez mais.

Na presidência, Marco Polo Del Nero acena com poucas mudanças.

– Serão poucas e, logicamente, cada administrador possui o seu estilo. Mas o presidente Marin e sua administração, da qual faço parte, conseguiram avanços importantes, como levar o futebol ao país inteiro, com as quatro séries do Brasileiro e, principalmente, a criação da Copa do Nordeste e da Copa Verde. Mas evidentemente que há aspectos que precisam ser melhorados e para os quais aceitaremos e vamos procurar sugestões em todo o universo esportivo, inclusive de vocês da imprensa.

Notícias Relacionadas