Vanessa afirma que já provou todos os tipos de drogas

Vanessa: ''A maconha nem me deu onda. Senti sono e fome. E foi só uma vez '' (Foto: Reprodução)
Vanessa: ”A maconha nem me deu onda. Senti sono e fome. E foi só uma vez ” (Foto: Reprodução)
Reportagem do jornal Extra deste domingo, assinada por Luiza Souto, informa que a vencedora do “Big Brother Brasil 14”, Vanessa Mesquita, de 28 anos quase não sobreviveu para conquistar o tão disputado prêmio de R$ 1,5 milhão. Não fosse a intuição da mãe, a professora de Matemática Solange Mesquita, de 49, a história da nova milionária poderia ter sido bem diferente. Após escapar dos tiros que mataram seu pai quando ela tinha apenas 9 anos, e experimentar drogas como cocaína e êxtase, a ativista transferiu todo sentimento de ternura que conseguiu preservar para os animais. Paixão que adquiriu com ele e que a ajudou a ganhar o reality. Sem intenções de casar ou ter filhos, a modelo quer dedicar a vida aos seus melhores amigos.

— Já experimentei tudo quanto é tipo de droga: maconha, êxtase, cocaína… A maconha nem me deu onda. Senti sono e fome. E foi só uma vez — pontua a roqueira, sob os olhos atentos da mãe: — Sempre contei absolutamente tudo para ela. É minha melhor amiga.

— Meu pai gostava muito de bicho. Se visse cachorro na rua, pegava. Ele me deu um galo, o Zé, que morreu de velhice. Tinha também uma galinha, que fugiu, e um coelho. Quando meu pai morreu, aos 30 anos, minha mãe deu os nossos cachorros e fiquei doente — lembra a loura.

O pai de Vanessa, Edmilson Mesquita, era considerado o maior traficante de Pirituba (zona oeste de São Paulo) e viciado em drogas. Mas, mesmo separado da mãe de Vanessa, desde quando ela tinha 7 anos, ele não deixava de dar atenção à filha.

— Era um péssimo marido, mas um pai como ninguém — frisa Solange.

Notícias Relacionadas