Mídia amestrada “esquece” que donos de ônibus e Prefeitura não pagaram gratificação

TONY PACHECO (*)

Os baianos estão sem pai nem mãe se dependerem da mídia baiana. Nem mesmo no único site que tem uma certa liberdade nós tomamos consciência do óbvio: OS EMPRESÁRIOS DE ÔNIBUS NÃO PAGARAM A GRATIFICAÇÃO DE CARNAVAL ACERTADA. E a Prefeitura do Salvador, que é o PODER CONCEDENTE de linhas de ônibus e tem, por isso mesmo, O PODER DE PUNIR os empresários, não o fez. Daí a revolta dos empregados do setor rodoviário.

Protesto dos rodoviários ontem na Estação Pirajá
Protesto dos rodoviários ontem na Estação Pirajá

É só isso. Nada mais que isso. O resto é conversinha fiada de quem está ganhando pra se calar. Nem sites, nem blogs, nem jornais, nem TVs, nem rádios, nadica de nada. Os trabalhadores, que não tiveram o seu direito de remuneração respeitado, simplesmente ficaram como os vilões da história. Parecendo o caso dos “black blocs”. Quadrilhas tomam de assalto os cofres públicos (o que leva muita gente à morte nos postos de saúde, nas estradas esburacadas e sem sinalização, no caos do trânsito, na insegurança das ruas) e quando alguém reage quebrando uma vidraça a MÍDIA AMESTRADA vem com o epíteto “VÂNDALOS”. Quer dizer, os ladrões de gravata matando o povo brasileiro não é vândalo. Quebrar vidraça é ser vândalo. Olhe, me deixe!

E o Sindicato dos Rodoviários? Meus deuses! Que piada é essa. Não serve nem mais pra cobrar hora extra pros donos de ônibus. Serve para quê esta organização desorganizada???

GOVERNANDO COM AMNÉSIA – O atual grupo que governa o estado da Bahia ficou 7 anos e 3 meses IGNORANDO que os policiais militares baianos são dos que menos ganham salários decentes (soldos) no Brasil. Menos do que em Sergipe, imaginem!!! Enfrentou uma greve dos policiais revoltados e perdeu uma eleição em Salvador porque a população ficou injuriada com a maneira que o Governo do Estado tratou os professores grevistas e os policiais grevistas. Mas nem com isso aprendeu. Não tomou uma posição a favor dos PMs que, inclusive, também estão numa corporação que é uma das que MENOS PROMOVEM os policiais no Brasil. Tem gente que entra e depois de 30 anos sai SOLDADO do mesmo jeito que entrou.

Agora, faltando alguns minutos para a COPA DO MUNDO onde os PMs poderiam dar um banho de civilidade no estilo sueco e dinamarquês e aí não ia ter Copa MESMO, o Governo do Estado acorda. E acorda também porque se faltam alguns minutos pra Copa, só faltam alguns dias pra ELEIÇÃO do novo governador. Eu não acredito que nada do que o Governo está “planejando” será bom para os policiais. E você, acredita?

Agora, eu pergunto aos coleguinhas jornalistas: já foram entrevistar os policiais com GARANTIA DE ANONIMATO para saber como eles vivem com este soldo miserável? Já foram entrevistar os policiais para saber como está a cabeça de um ser humano que passa 30 anos sem promoção, ANULANDO A AUTO-ESTIMA e fazendo com que saiam como feras nas ruas? Ah, não!? Ah, então tá. Depois ficam reclamando que o PT quer controlar a mídia. Controlar MAIS O QUÊ pelo amor dos deuses???

(*) Tony Pacheco é jornalista, radialista, estudou Economia e formou-se Psicanalista. É editor do blog “Os Inimigos do Rei”.

Notícias Relacionadas

6 Comentários

  1. ADILSON

    Se o colunista queria mesmo falar sobre o Governo X Policiai Miltar , porque usou a manchete Prefeitura x Motoristas? é como vc mesmo escreveu : “é conversinha fiada de quem está ganhando pra se calar” e o velho ditado : “Macaco não olha para o rabo”

  2. ADILSON

    Se o colunista queria mesmo falar sobre o Governo X Policiai Miltar , porque usou a manchete Prefeitura x Motoristas? é como vc mesmo escreveu : “é conversinha fiada de quem está ganhando pra se calar” e o velho ditado : “Macaco não olha para o rabo”

  3. Fed

    Entendo um pouco dessa joça. E me pergunto: como que a prefeitura vai pagar horas extras de motoristas de ônibus? Nunquinha da silva. Mentira deslavada.

    Patrão é o dono do ônibus. Quem paga a folha de salário e penduricalhos é o patrão. E o patrão são os donos dos ônibus.

    Agora tem mais uma.

    Alguém tem o caixa das empresas de ônibus? Sabe quanto custa uma passagem? Sabe quantos passageiros são transportado por cada linha de ônibus\mes? Ou seja, cadê a planilha de custos? Ninguém sabe. E quanto ganha cada empresa de ônibus? E quem são os donos delas? Ah! Caixa preta? E o que a Câmara de Vereadores tem a dizer sobre isso? E por que não diz nada? E eu sou bobo. Será que a cosiedade baiana é besta mesmo ou só se faz? E, não sendo besta, esses administradores são o quê?

  4. Fed

    Entendo um pouco dessa joça. E me pergunto: como que a prefeitura vai pagar horas extras de motoristas de ônibus? Nunquinha da silva. Mentira deslavada.

    Patrão é o dono do ônibus. Quem paga a folha de salário e penduricalhos é o patrão. E o patrão são os donos dos ônibus.

    Agora tem mais uma.

    Alguém tem o caixa das empresas de ônibus? Sabe quanto custa uma passagem? Sabe quantos passageiros são transportado por cada linha de ônibusmes? Ou seja, cadê a planilha de custos? Ninguém sabe. E quanto ganha cada empresa de ônibus? E quem são os donos delas? Ah! Caixa preta? E o que a Câmara de Vereadores tem a dizer sobre isso? E por que não diz nada? E eu sou bobo. Será que a cosiedade baiana é besta mesmo ou só se faz? E, não sendo besta, esses administradores são o quê?

  5. Fed

    Hoje, domingo, mais de 40 minutos no ponto de ônibus da Paulo VI, nem um ônibus sentido Barra. Ontem, sábado, quse 40 minutos no ponto do Pelourinho, nem um ônibus da BTU, “fresqjuinho”, sentido Iguatemi. Conversa com o motorista. “Quando o engarrafamento faz o atraso, queimamos o horário”. Resumo. Que o passageiro que se lasque.

    E cadê a fiscalização da prefeitura? Cadê ela? Inocentes? Ou as empresas de ônibus são o caixa 2 de campanha de muitos? Ah! Tem mais. 18 linhas dos suburbios sairam da Barra, evitando a frequência de pobres naquele lugar.

    Resumo do resumo. O governo do prefeito atual é de direita, atua em favor de minorias. Escancaradamente é governo patrimonialista.

  6. Fed

    Hoje, domingo, mais de 40 minutos no ponto de ônibus da Paulo VI, nem um ônibus sentido Barra. Ontem, sábado, quse 40 minutos no ponto do Pelourinho, nem um ônibus da BTU, “fresqjuinho”, sentido Iguatemi. Conversa com o motorista. “Quando o engarrafamento faz o atraso, queimamos o horário”. Resumo. Que o passageiro que se lasque.

    E cadê a fiscalização da prefeitura? Cadê ela? Inocentes? Ou as empresas de ônibus são o caixa 2 de campanha de muitos? Ah! Tem mais. 18 linhas dos suburbios sairam da Barra, evitando a frequência de pobres naquele lugar.

    Resumo do resumo. O governo do prefeito atual é de direita, atua em favor de minorias. Escancaradamente é governo patrimonialista.

Comentários estão suspensos