Corpo de mulher da Bahia desaparecido após queda em rio de ônibus da Novo Horizonte é achado

REDAÇÃO DO JORNAL DA MÍDIA

Salvador – O Corpo de Bombeiros de Muriaé (Minas Gerais) encontrou na manha desta segunda-feira (27), o corpo da passageira do ônibus da empresa Novo Horizonte, que atua no transporte intermunicipal da Bahia, que caiu de uma ponte, na BR-116, no início da manhã deste domingo (26), e estava desaparecida. O veiculo transportava pelo 51 passageiros.

O ônibus da Novo Horizonte tinha saído de Valença com destino a São Paulo. (Foto: Silvan Alves/Reprodução)
O ônibus da Novo Horizonte tinha saído de Valença com destino a São Paulo. (Foto: Silvan Alves/Reprodução)

A vítima foi identificada como Maria Aparecida Alves Amaro, 36 anos. No acidente, morreu também um bebê de cinco meses, dde nome Rebeca Manoela Moraes, que viajava junto com sua mãe Ana Lúcia, de Jitaúna, no sul da Bahia, para São Paulo.

O ônibus da Novo Horizonte tinha saído de Valença, no Baixo Sul da Bahia, com destino a São Paulo, e caiu por volta das 6h de domingo (26) no Rio Glória, que divide os municípios de Miradouro e Murié, em Minas Gerais.

Relato – Em entrevista à Rádio Muriaé, o passageiro Diego Rodrigues dos Santos disse que no momento do acidente estava acordado. “Eu só senti o õnibus atravessando a pista quando ele freou, eu pensei que ia bater em outro veículo e só senti a pancada na água.”

Geirivam Santos Silva, notou o acidente apenas quando o ônibus já estava dentro d´agua. “Eu fiquei em desespero e sai logo de dentro do ônibus para ajudar as pessoas”, afirmou. Jovanete Lopes que viajava com três filhos e um sobrinho relatou o momento de pânico. “A sensação é horrível, pensei que iria morrer”, falou emocionada.

Outros passageiros relataram que a empresa responsável, não está dando o suporte necessário.

Notícias Relacionadas