Sindicato entra com representação contra Otto Alencar por denúncia de sabotagem no ferry

Presidente do Sindicato Nacional dos Marinhos, Paulo César Santana (centro) entrega representação no Ministério Público do Trabalho
Presidente do Sindicato Nacional dos Marinhos, Paulo César Santana (centro) entrega representação no Ministério Público do Trabalho
REDAÇÃO DO JORNAL DA MÍDIA

Salvador – Como o JORNAL DA MÍDIA tinha antecipado na última quarta-feira, o Sindicato Nacional dos Marinheiros entrou com uma representação ontem no Ministério Público do Trabalho, na Capitania dos Portos e na Delegacia de Defesa do Consumidor pedindo investigação da denúncia feita pelo governador em exercicio, Otto Alencar, de que huve sabotagem no navio “Pinheiro”, na última segunda-feira. A embarcação ficou à deriva na Baía de Todos os Santos durante três horas, causando transtornos a centenas de usuários à bordo.

A afirmação de que o acidente foi uma sabotagem, portanto, uma ação proposital, foi feita por Otto Alencar em várias entrevistas à imprensa. Setores do Governo da Bahia não aprovaram a forma precipitada como o também secretário de Infraestrutura Otto Alencar fez as declarações, se antecipando ao resultado de um inquérito que ele mesmo anunciou que seria instaurado pela Agerba.

sabotagemIndependente do fato de se tratar a denúncia de sabotagem uma acusação de alta gravidade, para ser feita sem comprovação e especialmente saindo da boca do governador do Estado em exercício, a afirmação de Otto só fez aumentar o temor dos usuários para o grande risco a que estão expostos ao utilizarem a travessia Salvador-Itaparica.

Problemas envolvendo as embarcações do sistema são constantes e tanto tripulantes como usuários habituaus se queixam da falta de manutenção. O governo gastou mais de R$ 40 milhões nos “serviços de reforma”, executados pela própria concessionária Internacional Marítima em uma parceria com a Lumar, da Bahia. Todos os ferries reformados quebraram e continuam apresentando problemas quase que diários. O “projeto de reforma” foi acompanhada por pessoal da Seinfra e da Agerba.

Advogado Carlos Roberto Silva pede também apuração sobre os serviços prestados pela concessionária. Será que são adequados e dignos?
Advogado Carlos Roberto Silva pede também apuração sobre os serviços prestados pela concessionária. Será que são adequados e dignos?
“Para dizer que os trabalhadores sabotaram, o vice-governador precisa provar. E é essa a exigência que estamos fazendo, através do Ministério Público do Trabalho, da Capitania dos Portos e da Delegacia da Defesa do Consumidor. É de conhecimento público as péssimas condições dos navios do sistema ferryboat. E não são os trabalhadores os culpados, mas sim o governo e a concessionária”, afirmou Paulo César Santana, presidente do Sindicato Nacional dos Marinheiros.

O advogado do sindicato, Carlos Roberto Silva, explicou que na representação junto à Capitania dos Portos a entidade questiona as reais condições do equipamento utizado no navio “Pinheiro”.

“É preciso saber se o equipamento estava realmente funcionando e só a autoridade marítima (a Capitania), que responde pela segurança das embarcações, pode chegar à conclusão. Além disso, estamos cobrando também que a Delegacia de Defesa do Consumidor apure se a prestação do serviço da Internacional Marítima no Sistema Ferryboat está sendo adequada”, sustentou.

Notícias Relacionadas

15 Comentários

  1. Lenise Ferreira

    São tantos anos vivenciando os problemas causados pela degradação que vem se acentuando ano após ano, uma eterna dança de cadeiras na SEINFRA e na AGERBA e todos que por ali passaram visam apenas e tão somente os seus interesses pessoais e políticos.

    Não vi ao longo destes anos nenhum que de fato tenha priorizado os interesses dos usuários e por necessitar desta travessia diariamente, passei a lutar pelas melhorias que se fazem necessárias. São 24 anos nesta travessia, décadas nesta luta e agora, diante da incapacidade em resolver o problema, sabendo dos riscos a que estão expostos os usuários, resolve o vice governador atribuir a terceiros, a inocentes a responsabilidade por acidentes e fala em sabotagem.

    O DIRETOR EXECUTIVO Eduardo Pessoa de fato não comparece às audiências no MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL, esta inclusive foi uma das queixas da promotora JOSEANE SUZART que cobrou ao PROCURADOR do referido órgão a presença do diretor executivo na audiência que ocorreu em 19 /12/2013 no MPE – CEACON. Mais uma vez o citado diretor não compareceu. Lá esteve o procurador Atayde Bandeira e o Sr. BRUNO CRUZ, diante de todos os presentes, inclusive de um jornalista, FOI ENTREGUE aos representantes da INTERNACIONAL MARÍTIMA e da AGERBA, as recomendações feitas pelo MPE para amenizar os problemas no SISTEMA FERRY BOAT e que agora diz o DIRETOR EXECUTIVO desconhecer.

    Na citada audiência o Sr. Bruno Cruz afirma para a promotora que foi nomeado para o cargo de fiscal da AGERBA por ordem do secretário Otto Alencar e liga para o órgão solicitando cópia do Diário Oficial como para anexar ao processo a pedido da promotora, como comprovação da sua nomeação. Segundo ele, a orientação é para intervir até nas operações de embarque visando melhorar a qualidade dos serviços. Tudo isto foi dito diante de representantes da I.M. que também diz ignorar tal fato.

    Em duas oportunidades o Sr. Bruno, diante de diversas testemunhas afirmou o motivo da sua mais nova nomeação. O caos se instalou não só no ferry boat, ele passa onde deveria sair as soluções. Diretor desdenha o MPE na certeza de que terá costas largas eternamente. Estão certos que podem brincar com vidas humanas que nada lhes acontecerá como aconteceu com a tragédia da FONTE NOVA.

    Em relação ao uso dos R$ 40 milhões, parte dele foi utilizado para pagar fornecedores, credores e funcionários da TWB após a caducidade do contrato. O pouco que foi utilizado na maquiagem dos ferrys não passaram exatamente por mãos de profissionais qualificados para de fato recuperar as embarcações tornado-as seguras e eficientes.

    Se as eternas reclamações dos usuários incomodassem a estes homens, não estaríamos mais uma vez passando pelos velhos problemas. DESCASO, OMISSÃO, norteiam estas travessias. Chego a acreditar que, nos finais de semana e feriados em que estamos sofrendo nas filas, eles se divertem com as imagens que circulam pela imprensa descansando e gozando do dinheiro pago por nós.

    Agora, diante de declarações de representantes do MPE de que existe o risco de uma tragédia envolvendo o sistema ferry boat e que ninguém, nem o próprio MPE poderá dizer que desconhece os fatos. O vice governador OTTO ALENCAR acredita no entanto que criar a cortina de fumaça sobre esta PANELA DE PRESSÃO vai livrar os verdadeiros responsáveis das suas culpas e das punições que lhes será imputadas. Tentar denegrir a minha imagem e desqualificar a minha luta de décadas tentando ele politizar a situação, de nada vai adiantar.

    SABOTAGEM é o que o governo do Estado vem fazendo ao longo dos anos em relação ao povo ITAPARICANO. Acabou com o turismo em um dos mais lindos lugares deste mundo. Fez dezenas de promessas como CONSTRUÇÃO DE COMPLEXO POLICIAL para diminuir a crescente violência, CONSTRUÇÃO DO ATRACADOURO DE MAR GRANDE para contribuir com as melhorias na acessibilidade da Ilha e ao contrário de tudo isto, o que fez mesmo foi destruir, sabotar anos de trabalho, de sonhos, de projetos, de investimentos de vidas. Abandonar e destruir patrimônios públicos como estão fazendo com o SISTEMA FERRY BOAT, O HOSPITAL GERAL DE ITAPARICA, O TERMINAL RODOVIÁRIO DE ITAPARICA E TANTOS OUTROS.

  2. edvaldo

    É uma vergonha, uma tristeza, é uma verdadeira lástima… a verdade na cara de todos. E o governador em exercício Sr. Otto Alencar se dar o prazer de ir as redes de tv e afirmar que foi sabotagem, meu DEUS! socorro…
    É ciência de todos de que essa Internacional Marítima só se preocupa com o ” din, din, o povo é que se lixe. Por que o governo não acusou a empresa? Isso deve ser porque existe apadrinhamento, claro só cego pra não enxergar a verdade. Agora eu quero ver a justiça dos homens, porque a de DEUS será feita… estou do lado da peãozada, é eles quem sabe de todas as fraucatuas desta maldita empresa que se apoderou só se preocupa com o ” faz me rir “. Autoridades acordem façam valer nossos direitos.

  3. Carlos de Volta

    Bando de sem vergonha, descarados, roubando o dinheiro do povo de forma desavergonhada. Ladrões. Vocês são ladrões. Provem que não são são? Vocês estão roubando tudo seus metralhas.

  4. Henrique - Vera Cruz,BA

    Minha gente meu povo vcs já viram a nova versão deste Otto Alencar sobre SABOTAGEM? Tá num blog de política aí. Me acabei todo toh me pocando de rir que coisa absurda. O homi é doido mesmo parece que levou alguma bronca do chefe dele. Não mede as palavras será que é louco mesmo. Vou postar na caixa do Facebook de vocês.

  5. Junior

    Aqui ponto chegamos do vice Governador de cara lavada chegar na imprensa culpar os marinheiros pelo fracasso e incompetência do governo tentando se eximir da sua responsabilidade esse mesmo cidadão prometeu que teríamos sete feries operando no verão que o ferry boat Ipuaçu seria reformado e hoje esta no cemitério no porto de aratu e mal mente o sistema tem cinco ferries capengando para manter em operação toma juízo.
    Governadoooooooooorrrrrrrrr a eleição esta chegando e o seu governo continua perdido.

  6. Paulo Carneiro

    Um sistema tao importante para milhares de cidadãos abandonado por tantos anos.O Vice Governador interviu e parece que piorou.Tão abandonado como a belissima Itaparica cada vez mais favelizada.

  7. Tungoso

    Quer dizer que na hora da onça beber água troca-se o fiscal? Uai! Uai! E o antigo fiscal sai ileso? Tem uma coisa errada nesse negócio. Quer dizer que o filho do deputado tá fora da enrolada que permitiu por conta de sua ineficiência, sua lerdeza? Só ficou lá para abocanhar o bom salário de fiscal da entidade? Isso é crime minha gente. Esse cara tem que ser reponsabilizado sim. Ou essa coisa virou mesmo uma merd….!?

  8. Gentil

    Senhores, prestem atenção porque o Sindicato de Terra é pelego e não é o Sindicato dos Marinheiros que atua na Internacional Marítima, e eles do governo levaram o presidente para dentro da SEINFRA pra fazer foto com oto alencar uma cisa vergonhosa essa empresa está acabando com os funcionários dela é pior mil vezes que a TWB que nos tratava bem. Procurem investigar com os marítimos a situação dos navios que estão sendo arremendados só tem gambiarra. e o governo sabe de tudo e não toma providência.

  9. Acioly

    Eu acho o Fedegoso um cara inteligente mas não concordo quando ele diz que a merd… foi Wagner deixar o Oto Alencar entrar nessa coisa do ferry. A gente sabe que a incompetência desses caras é de doer. Mas o governador não é o mandatário maior? Será que ele não sabe de nada dos desmandos dentro do ferry?

    Eu gostaria até que Fedegoso fizesse um comentário sobre o silência da imprensa né sobre o dono da Internacional Marítima, sócio do MURAD, marido de Roseane Sarney. Quem trouxe afinal essa gente para a Bahia?

  10. Fedegoso

    Fedegoso responde a Acioli: OTÃO.
    QUEM É O otâo?
    -otâo É O DE ANTES. QUE É O DE AGORA.

    Rapaz! A draga não é de hoje, é coisa velha. E sempre os mesmos, os de ontem são os de hoje. E vcs parem de reclamar. Vcs sempre comeram o que eles deram. E só reclamam quando estão fora. Né vital o bom transporte, é vital a boa grana no bolso próprio. Ora essa! Quem o culpado de tudo? É o Oto, cambada de otários.

  11. Zé dê Jesus

    Fedegoso, falar em OTÃO, tu lembra no teu arquivo uma briga do cabra com Samuca? Samuca Celestino, aquela briga dá cesta do povo. tu tem no arquivo. ? Dá pra dizer pra galera?

  12. Manoel Quadros

    Fica falando dê ferry boat e o transporte clandestino arrebentando na BAHIA e o nosso dinheiro dá diária dos fiscais sendo dividido com os golfinhos dê papai dá Agerba. O JORNAL dá MIDIA tem que falar mais e abrir o bico contra essa raça miserável que encostou na Agerba. Alô Tõe Paletó, vai trabalhar. Um dia essa mamata acaba teu cunhado vai prefere a vai perder a eleição de deputado fi de uma aí eu quero olhar na tua cara pra saber se tu é macho mesmo.vai trabalhar miserável. Teu fosse vem aí espera.

  13. J. Castro

    Conversem com os homens que trabalham na casa dê máquina aí vocês do JORNAL vão saber dê tudo. Amarram peças com arame.

  14. Fedegoso

    Vcs são uns otários. Quem trouxe a TW sei lá o quê foi o Paulo Souto. E continua Souto. Mesmo parente por afinidade do Camalibe. E quem era o vice dele? Pois bem. Esqueçam nomes. Persigam o dinheiro. Se é que tem problema, não duvidem, está no destino e origem do dinheiro.

    Perguntinha socrática. Para onde foi o dinheiro do caixa das empresas, da anterior também. Quem tal apontar com clareza responderá todas as perguntas que fizerem. Ponto final. Tá Caioly!

  15. Lenise Ferreira

    Sr. Fedegoso, eu votei no PT eu votei em Jaques Wagner, eu acreditei e lutei para que ele fosse eleito pois realmente acreditava que ele seria capaz de colocar um fim na baderna que estava instalada naquela época no Estado da Bahia, incluindo o sistema Ferry Boat. Comab, Caymi, TWB.

    Mas ao contrário do que eu esperava, a avacalhação foi tamanha que ouso dizer que sinto falta de parte da corja que saiu. Eram na maioria técnicos e as coisas funcionavam, apesar das muitas mazelas.

    Veja o exemplo do sistema prisional. Anunciam programas de ressocialização. Posso lhe convidar a conhecer alguns presídios e lhe asseguro, não existe nenhum programa em funcionamento. Tem algumas propagandas, não passam disto.

    A saúde é um caos: o Sr acha que tem cabimento uma vítima de infarto, de acidente grave, de AVC ir para a fila da central de regulação? Sabe quantos morreram pela falta de socorro médico? Eu acompanhei vários casos e como corri em busca de socorro. Numa vez, um promotor lutando por uma vaga, já com liminar judicial em mãos, ouviu como resposta que haviam 138 liminares na frente da dele.

    Fecharam hospitais como o HCT – Hospital psiquiátrico e hoje pacientes psiquiátricos que cometeram crimes se misturam com assassinos e vários outros tipos de criminosos. Esta semana atendi uma senhora que é paciente psiquiátrica e na hora do surto, por não ter a quem procurar, o filho chamou a polícia e ela foi levada para o presídio feminino. O Sr acha mesmo que isto é correto?

    A segurança pública é outro absurdo. Tenho inúmeros exemplos vivenciados na Ilha……….me estenderia muiiiiiiiiiiiiito. Promessas de construção de COMPLEXO POLICIAL, atracadouro, etc e nada passou de propagandas, de engodo, de mentiras.

    O atual governo do ESTADO DA BAHIA tem a cara da AGERBA. Um circo, um faz de contas que pouco se incomoda com os direitos dos cidadãos, sua segurança e tão menos o que pensam ou sentem.

Comentários estão suspensos