Ministério da Saúde firma contrato milionário sem licitação

CLÁUDIO HUMBERTO

O Ministério da Saúde e a Fundação para o Remédio Popular (Furp) firmaram com a gigante Medtronic uma “parceria”, sem licitação, no valor de R$ 80,6 milhões, para fabricação de marcapassos e stents coronários. Com isso, a Medtronic, que já teve antes problemas com neuroestimuladores e bombas de infusão de medicamentos, ganhou o status de única fornecedora de marcapassos do SUS por cinco anos.

Tirando o corpo – Para explicar a escolha da Medtronic, o Ministério da Saúde tirou o corpo e passou a bola à Furp, que alegou “tecnologia avançada” etc.

Santo protetor – Cinco empresas queriam disputar em licitação parceria idêntica, mas o “santo” da Medtronic no Ministério da Saúde, em ano eleitoral, era forte.

Alertas da Anvisa – Antes da parceria, a Anvisa emitiu alertas sobre erros com bombas de infusão de medicamentos e neuroestimuladores da Medtronic.

Fabricação – A parceria com a Medtronic prevê transferência de tecnologia, caso a Furp pretenda fabricar os próprios marcapassos, no futuro. (Coluna de Cláudio Humberto)

Leia também:

Notícias Relacionadas