Suspeito de participar de homicídio de PM é morto dentro de hospital em Valença

Um suspeito de participar da morte de um policial militar no último dia 31 de dezembro foi morto na madrugada desta sexta-feira (10) dentro da Santa Casa de Misericórdia de Valença, a cerca de 250 quilômetros de Salvador. Édipo Belém Andrade havia sido baleado durante uma troca de tiros que vitimou o PM João Thiago Leite Machado. Ele estava custodiado no hospital desde o dia do crime.

De acordo com o Coordenador da 5ª Coordenadoria de Polícia do Interior (5ª Coorpin/Valença), Ciro Palmeira, um grupo de quatro homens invadiu o hospital por volta de 3h para cometer o crime: “Eles pularam o muro e entraram pelos fundos da Santa Casa”, relata Ciro.

Apenas um Policial Militar fazia a guarda de Édipo, que foi preso em flagrante no dia do crime. O PM que estava no hospital foi rendido e desarmado pelos criminosos, antes do paciente ser baleado. “Não havia mais policiais na Santa Casa e em seguida eles fugiram também pelos fundos”, afirma o Ciro Palmeira. (Correio)

Notícias Relacionadas