Azul limita valores das passagens durante a Copa do Mundo

David Neeleman, presidente da Azul
David Neeleman, presidente da Azul
Depois da comprovação de que o jeitinho brasileiro está mais para desonestidade mesmo, o presidente da companhia aérea Azul, David Neelman, mostrou que é possível aproveitar o aumento da procura durante a Copa do Mundo sem lesar o consumidor. A empresa anunciou um limite de R$ 999,00 para o valor das passagens entre 12 de junho e 13 de julho (período de disputa da competição da Fifa).

Com a estratégia comercial da Azul e o pedido de 310 voos adicionais à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Tam, Gol e Avianca devem adotar medidas semelhantes para evitar a migração de clientes. De acordo com Neelman, haverá uma baixa nas viagens de negócios, pois todos estarão, direta ou indiretamente, envolvidos pela Copa do Mundo. (Diário do Poder)

Notícias Relacionadas