Medicina, direito e engenharia civil são os cursos mais concorridos do Sisu

Mariana Tokarnia
Repórter da Agência Brasil

Brasília – Medicina, direito e engenharia civil são os cursos mais procurados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), segundo balanço das 11h de hoje (7), divulgado nesta tarde pelo Ministério da Educação (MEC). Medicina tem o maior número de candidatos por vaga: 60,47 inscritos para cada uma. Em seguida, vem os cursos de direito, com 40,45 candidatos por vaga, e engenharia civil, com 34,82. As inscrições vão até as 23h59 de sexta-feira (10), no site do Sisu.

Diariamente, o MEC divulga a nota de corte de cada curso e a classificação parcial do estudante na opção escolhida. Até o fim das inscrições é possível mudar de opção. Cada candidato pode fazer até duas opções de curso. Até o último balanço, foram feitas 2,9 milhões de inscrições. O número de inscritos é pouco mais que 1,5 milhão.

Segundo o MEC, os cursos com maior número de inscrições são administração e direito. Administração teve 192.582 inscrições, com 31,39 candidatos por vaga, e direito, 191.107 inscrições. Medicina aparece em terceiro lugar, com 176.876 inscritos. Engenharia civil teve 106.311 inscrições.

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) é a instituição federal com maior número de inscrições, 140.186, seguida pela Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com 135.570 candidatos. As duas são também as mais procuradas: a UFMG, com 39,66 candidatos por vaga, e a UFRJ, com 28,33.

Na primeira edição deste ano, o sistema oferece 171.401 vagas em 4.723 cursos de 115 instituições públicas de educação superior. O Sisu seleciona estudantes com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Nesta edição, a inscrição está restrita ao estudante que tenha participado da edição de 2013 do exame. Fica impedido de se inscrever aquele que tenha tirado zero na prova de redação.

Notícias Relacionadas