Tempestade de neve nos Estados Unidos causa 15 mortes

 Agência Brasil

Brasília – A tempestade de neve Hércules que atinge os Estados Unidos desde a quinta-feira (2) já causou pelo menos 15 mortes. As previsões indicam que nos próximos dias os termômetros poderão descer para mínimos históricos, abaixo dos -20 graus Celsius (°C).

Pelo segundo dia consecutivo, os ventos fortes e a neve, com o registro de 60 centímetros de altura em algumas áreas, provocaram problemas em voos, levando ao cancelamento de mais de 3 mil e atrasos em 7 mil. Também houve restrições na rede de transportes terrestres e escolas. Edifícios governamentais foram fechados em 22 estados.

Milhares de norte-americanos ficaram sem luz em casa e nos seus locais de trabalho. Também foram registrados acidentes de viação e internações por hipotermia. As baixas temperaturas provocaram a ruptura de canos, o que gerou inundações que forçaram a evacuação de lojas, teatros e hospitais de algumas zonas de Boston.

As autoridades norte-americanas têm concentrado esforços nas advertências à população para que se proteja diante da previsão de queda de temperatura.

A primeira grande tempestade de neve de 2014 afeta um terço dos Estados Unidos, ou seja, mais de 100 milhões de pessoas, mantendo em situação de emergência Nova York e Nova Jersey, e causando também graves complicações em Massachusetts, Illinois e Pensilvânia.

A capital do país, Washington, amanheceu coberta por uma fina capa de neve, mas não sofreu transtornos tão graves como em pontos do Nordeste do país.

Notícias Relacionadas