Schumacher teria se acidentado após ajudar criança

Agência ANSA

Berlim – O heptacampeão da Fórmula 1, Michael Schumacher, teria se acidentado no último domingo (29) na França por ter ajudado uma menina que esquiava com o seu grupo. É o que afirma o jornal alemão Bild, que fez uma reconstituição da queda do ex-piloto, que o deixou em estado crítico por conta de ferimentos no crânio.

Segundo o periódico, que cita “fontes exclusivas”, Schumi e o filho Mick, de 14 anos, se encontraram de manhã com alguns conhecidos para praticar na estação de esqui de Meribel, nos Alpes franceses, com equipamentos alugados. Por ser experiente, o heptacampeão conduzia a fila em uma pista do Monte Saulire (2.784m), até que a filha de um amigo caiu e ele foi ajudá-la, afastando-se dos percursos sinalizados.

Assim que se colocou novamente em movimento, Schumacher resvalou em uma rocha coberta de neve, o que fez com ele batesse em outra, perdendo o controle e caindo de cabeça sobre uma terceira pedra. Há poucos dias, a empresária do alemão, Sabine Kehm, afirmou que o acidente foi “um grande azar”. “Ele não estava muito rápido, era uma manobra normal na curva”, disse.

O ex-piloto segue em coma induzido no hospital universitário de Grenoble, na França, e sua condição é estável, mas ainda grave. Ele já passou por duas intervenções cirúrgicas para remover hematomas no cérebro e diminuir a pressão intracraniana.

Pelo menos até o momento, não está prevista nenhuma coletiva de imprensa da equipe médica que cuida de Schumi, que nesta sexta-feira (3) completa 45 anos, e nem de Sabine. (Ansa Brasil)

Notícias Relacionadas