Governo da Bahia quer economizar R$ 6,8 mi com frota de veículos

Carros avariados e outros com mais de 10 anos vão a leilão.
Carros avariados e outros com mais de 10 anos vão a leilão.
Salvador – O governo da Bahia quer economizar R$ 6,8 milhões por ano com gasto de combustível e manutenção de veículos. A economia foi calculada com base no consumo dos mais de 1,2 mil veículos oficiais com mais dez anos de uso que serão retirados de circulação em atendimento ao decreto governamental n° 14.710, que determina o contigenciamento na área de custeio.

Até o momento, cerca de 800 veículos da frota estadual já foram recolhidos pela Secretaria da Administração (Saeb). A frota oficial do Estado é de 6.030 veículos próprios, em uso.

Os carros entregues ao Almoxarifado Central do Estado serão leiloados ainda este ano. O primeiro certame está previsto para ocorrer no dia 25 de outubro e o segundo em 29 de novembro. A expectativa de arrecadação com a alienação destes bens é de R$ 5 milhões.
Os veículos a serem devolvidos são os que possuem mais de dez anos de fabricação e ainda em circulação, que não apresentem registro recente de abastecimento no sistema de Controle Total de Frota (CTF) ou ainda que apresentem baixo índice de utilização, com rodagem inferior a 60 quilômetros diários.

A primeira etapa do recolhimento, realizada em agosto e setembro, ocorreu nos postos de recolhimento de Salvador, Feira de Santana, Ibotirama, Itaberaba, Itabuna, Guanambi, Barreiras e Juazeiro. Todos os automóveis recolhidos serão encaminhados para leilões estaduais, a serem realizados nos meses de outubro e novembro. De acordo com o decreto ainda está previsto recolhimento de mais 400 unidades.

Notícias Relacionadas