Ex-craques tentam contrabando em MPs no Congresso

CLÁUDIO HUMBERTO

Craques do passado pisam na bola, tentando embutir contrabandos em medida provisória, a pretexto de “moralizar o esporte”. Pernas de pau na política, querem aprovar na marra novas regras para remunerar dirigentes esportivos e garantir reserva de cargos para eles, ex-atletas. Parlamentares topam discutir o tema, desde que sejam apresentadas em projeto de lei e que as entidades recebam recursos públicos.

Insistência – Ex-craques já fizeram duas tentativas de contrabandos em MPs. Para o ministro Aldo Rebelo (Esporte), o tema é polêmico, exige amplo debate.

Musa da pressão – A ex-estrela do vôlei Ana Moser, que fez campanha contra a realização das Olimpíadas no Brasil, integra o lobby de ex-atletas.

Lobby forte – Outro craque do passado, Raí, também está no lobby por cargos em entidades. Até já se reuniu com a ministra Ideli Salvatti (Articulação). (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas