Estudante de Medicina é presa com cocaína da Bolívia para entregar em Serrinha

Luciana Martins Ribeiro, 22 anos cursa Medicina na Bolícia.
Luciana Martins Ribeiro, 22 anos, cursa Medicina na Bolívia.
Salvador – Um quilo e meio de cocaína “nine-nine”, com 99% de teor de pureza, trazido da Bolívia pela estudante de medicina Luciana Martins Ribeiro, 22 anos, foi apreendido num posto de combustível às margens da BR-116, entre as cidades de Serrinha e Teofilândia. A equipe do delegado Henrique José Silva Morais, coordenador da 15ª Coordenadoria Regional de Policia do Interior (Serrinha), prendeu a traficante, no final da tarde da última quarta-feira (28), e investiga a identidade do destinatário da droga naquela cidade, onde acontece, na próxima semana, entre os dias 5 e 8 de setembro, uma tradicional vaquejada.

Natural de Rondônia, Luciana informou, durante o interrogatório, ter saído da Bolívia, no domingo (25), de avião em direção a Goiânia, cumprindo o restante do percurso, até a Bahia, de ônibus. Disse ainda que fora contratada por um homem na Bolívia, onde cursa medicina, para trazer a cocaína até Serrinha, mediante o pagamento de US$ 2 mil quando retornasse para aquele país. O alto índice de pureza da droga consta do laudo confeccionado pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT).

A coca estava dentro de um saco plástico, escondido no fundo falso de uma mochila, encontrada com a estudante. Atuada em flagrante por tráfico, Luciana deverá ser encaminhada ao Presídio de Feira de Santana, enquanto a droga ficará apreendida na 15ª Coorpin até que a Justiça autorize o seu descarte. O delegado Henrique Morais informou que encaminhará uma cópia do inquérito policial ao Departamento de Narcóticos (Denarc), em Salvador.

Notícias Relacionadas