Ponte Preta elimina Criciúma e segue na Copa Sul-Americana

Campinas – Com a vantagem obtida no jogo de ida, Ponte Preta e Criciúma se enfrentaram nesta terça-feira (27) pela partida de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana e o jogo terminou empatado por 0 a 0, classificando o time campineiro para a fase de oitavas de final.

O jogo começou com as duas equipes buscando o ataque e tentando criar chances de gol. Aos sete minutos, Uendel fez a tabela com Chiquinho e tentou o cruzamento, mas a defesa do Criciúma fez o corte.

A Ponte pressionava e conseguia mais posse de bola para avançar ao ataque. Aos 18 minutos, Baraka bateu de longe e Gallatto fez a defesa.

O Criciúma chegou ao ataque aos 21 minutos, quando Fabinho bateu falta e forçou a intervenção do goleiro Roberto. A Ponte Preta respondeu na tentativa de cruzamento de Régis, que tomou o caminho do gol e quase complicou o goleiro catarinense.

Uendel, aos 43, pegou sobra da cobrança de escanteio para arriscar o chute e a bola foi desviada pela defesa do Criciúma.

O começo do segundo tempo teve o Criciúma tentando tocar a bola e Morais bateu de longe, mas a bola passou longe do gol de Roberto.

A Ponte respondeu também em chute de fora da área com Giovanni e defendido por Gallatto. Aos 17, Dennis recebeu cruzamento e colocou pela linha de fundo.

Aos 24, Lins tentou o chute e a bola acabou sobrando para Leonardo tentar o cabeceio e colocar a bola pela linha de fundo.

O jogo seguiu disputado e Chiquinho bateu falta aos 36 minutos, mandando por cima do gol. O Criciúma procurava atacar, sem conseguir vencer a marcação da Ponte.

O vencedor deste confronto enfrentará quem sair do duelo entre Colo-Colo (CHI) e Deportivo Pasto (COL).

Ficha técnica

Ponte Preta 0 x 0 Criciúma

Local: Moisés Lucarelli, Campinas;

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (BRA);
Assistentes: Fabrício Vilarinho (BRA) e Fábio Pereira (BRA);

Ponte Preta: Roberto; Baraka, Betão e Diego Sacoman; Régis, Giovanni, Fernando Bob, Ramírez (Magal) e Uendel; Chiquinho (Fernando) e Everton Santos (Dennis).
Técnico: Jorginho.

Criciúma: Gallato; Sueliton (Toni), Matheus Ferraz, Leonardo e Marlon; Bruno Renan, Elton, Lins e Morais; Fabinho (Cassiano) e Marcel (Douglas).
Técnico: Sílvio Criciúma.

Notícias Relacionadas