Matadores profissionais são presos em Santo Antonio de Jesus

Jardiel e Leandro assumiram ser matadores profissionais
Jardiel e Leandro assumiram ser matadores profissionais
Salvador – Os assassinos Jardiel da Silva Mercês, o “Jovem”, 25 anos, e Leandro Souza Fernandes, o “Léo”, 21, foram presos, neste fim de semana, em Santo Antônio de Jesus, numa ação rápida das polícias Civil e Militar. A dupla se preparava para matar uma pessoa, de prenome Diego, a mando do traficante Darlito Barreto da Silva, o “Castanha”, custodiado no Conjunto Penal de Valença.

Depois de receberem informações anônimas de que Jovem e Léo haviam se hospedado numa pousada, no bairro de Barro Vermelho, investigadores da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Santo Antônio de Jesus) solicitaram reforço da PM e se dirigiram para o local, onde encontraram no quarto do imóvel um revólver calibre 32 e 12 munições.

De acordo com o coordenador regional, delegado Paulo Roberto Guimarães, os dois assumiram ser matadores profissionais, atuando sob as ordens de traficantes de Feira de Santana e Ipirá, “Para matar Diego, no Loteamento Sales, receberam R$ 1 mil como pagamento”, apurou o delegado. Léo, já com passagem pela polícia de Feira de Santana por homicídio e tentativa de homicídio, está custodiado, junto com o comparsa Jovem, na 4ª Coorpin, onde foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma.

Notícias Relacionadas