Ponte Preta faz 3 a 1 no Criciúma e se afasta da zona de rebaixamento

Campinas – Ponte Preta e Criciúma se enfrentaram neste domingo (11), em partida válida pelo Campeonato Brasileiro 2013, com a vitória da equipe campineira pelo placar de 3 a 1. Com 15 pontos, a Ponte se afasta da zona de rebaixamento, onde está o Criciúma, com 11.

A Ponte tocava a bola nos primeiros minutos de jogo, chamando o Criciúma para a disputa pela posse de bola. Aos sete minutos, William abriu o placar para a Ponte Preta desviando cobrança de escanteio. Helton Leite saiu para tentar tirar a bola, mas trombou com o jogador da própria defesa e não conseguiu evitar o gol.

Rildo bateu para o gol aos 11 minutos e Helton Leite conseguiu ficar com a bola. A Ponte seguia pressionando mais. Aos 17, Artur recebeu e partiu para a jogada, com Helton Leite evitando o segundo gol da Ponte Preta na partida.

Aos 29 minutos, Artur fez o segundo da Ponte Preta. Chiquinho cobrou escanteio e o lateral apareceu na primeira trave para fazer o desvio e colocar a bola no fundo das redes.

Pouco depois do gol, Leonardo entrou no lugar do lesionado Ewerton Páscoa pelo Criciúma. O time da casa era quem seguia pressionando mais e o time catarinense tentava achar espaços para o contra-ataque.

No segundo tempo, o Criciúma chegou no ataque em cruzamento pela esquerda que Lins ajeitou para Ivo finalizar e mandar a bola longe do gol.

O Criciúma diminuiu o placar aos dez minutos, quando Marlon cruzou na área e Lins aproveitou para colocar a bola fora do alcance de Roberto.

O time visitante era quem criava mais chances no segundo tempo, aproveitando o recuo do time da Ponte. Quando a Ponte conseguiu uma brecha, chegou ao terceiro gol com Everton Santos, de cabeça, aos 16 minutos.

O Criciúma foi para a resposta com Lins, que recebeu na entrada da área e bateu com perigo contra a meta de Roberto. 

A Ponte Preta voltou ao ataque aos 35, em troca de passes que terminou no cruzamento de Rildo para William, que marcado por Matheus Ferraz, desperdiçou a chance do quarto gol.

 

O Criciúma ainda tentou reagir nos acréscimos, sem conseguir sucesso em vencer a defesa da Ponte.

Notícias Relacionadas