Eleições 2014: Serra supera Aécio em pesquisa Datafolha

Nova pesquisa Datafolha sobre a corrida à Presidência da República testa pela primeira vez o tucano José Serra como candidato em 2014. Em entrevista com 2.615 pessoas, ouvidas entre os dias 7 e 9 de agosto, em 160 municípios, a sondagem identificou que Serra venceria Aécio Neves (PSDB), até aqui o nome mais forte do PSDB para a disputa.

A pesquisa também mostra que Dilma recuperou 5 pontos percentuais (de 30% para 35%) em relação ao último levantamento, realizado nos dias 27 e 28 de junho, e que Marina Silva, que ainda tenta criar seu partido, a Rede Sustentabilidade, subiu 3 pontos (de 23% para 26%), se consolidando no segundo lugar.

O único candidato que venceria no primeiro turno, porém, é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Quem também foi colocado entre os presidenciáveis foi Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), que já afirmou que não tem interesse em se candidatar.

Apesar do apelo popular para que ele seja candidato, Barbosa aparece apenas na quarta posição com 11% das intenções de voto, atrás de Dilma (33%), Marina (22%) e Aécio (12%) — e à frente apenas do pernambucano Eduardo Campos (PSB), com 6%.

O levantamento traz também outros seis cenários. No mais provável deles, a pesquisa indica que Dilma teria 35% das intenções de votos, seguida por Marina Silva, com 26%, Aécio, 13%, e Campos, 8%. Com a entrada de José Serra, que alcança 14%, Dilma cai para 32%, Marina para 23%, Aécio para 10% e Campos para 6%. Em um terceiro cenário, com Joaquim Barbosa e sem Aécio, Dilma teria 32%, Marina, 21%, Serra, 15% e Campos, 5%. O ministro do STF ficaria com 11%.

Único a vencer no primeiro turno, Lula teria 51% das intenções de votos em um quarto cenário, deixando Marina com 20%, Aécio com 11% e Eduardo Campos com 5%. No quinto cenário, a pesquisa confronta Lula e Joaquim Barbosa. O ex-presidente teria 50%, contra 17% de Marina, 10% de Barbosa, 9% de Aécio e 3% de Campos.

Com a entrada de José Serra nessa disputa, um sexto cenário teria Lula com 46%, contra 16%, 9% do ex-governador de São Paulo, 8% de Aécio, 8% de Barbosa e 3% de Campos. (Veja)

Notícias Relacionadas