Operação da Polícia Militar apreende uma tonelada de maconha em Curaçá

Salvador – Com base em levantamentos feitos pela Inteligência da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Caatinga) e da Polícia Militar de Pernambuco, guarnições dos dois estados apreenderam 1.084 quilos de maconha, além de incineraram cerca de 72 mil pés da erva (com aproximadamente 1,6 metro de altura), em ilhas do rio São Francisco, entre o distrito de Pedra Branca, município de Curaçá, na Bahia, e a cidade pernambucana de Orocó.

A droga, pronta para o consumo, estava distribuída em 63 sacos de náilon e os pés de maconha foram arrancados e incinerados. Os policiais baianos e pernambucanos apreenderam também no local um motor marca Toyama, modelo 7.0, à gasolina, utilizado para irrigar o plantio.

Todo o material apreendido e uma amostra da plantação (para fins de perícia) foram apresentados na Delegacia Territorial de Cabrobó, para adoção das medidas cabíveis. Continuam as investigações para localizar os responsáveis pela droga.

Pote de arroz – Investigadores da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Teixeira de Freitas, com o apoio de integrantes da Companhia Independente de Polícia Especializada da Mata Atlântica (Cacaueira), prenderam na terça-feira (8) o traficante Diego dos Santos Gonçalves, 20 anos, que vendia drogas em sua residência, localizada na rua Espinosa, 145, no bairro da Liberdade.

Os policiais chegaram a Diego por meio de informações encaminhadas ao Disque-Denúncia. Depois de revistarem os aposentos da casa, encontraram na cozinha, dentro de um pote de arroz, 28 papelotes de cocaína e mais 10 gramas da droga a granel. Além do entorpecente, foram apreendidos sete aparelhos celulares.

Conduzido à unidade policial, Diego confessou que vendia droga e foi atuado por tráfico, permanecendo custodiado na carceragem da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Teixeira de Freitas), à disposição da Justiça.

Notícias Relacionadas