Sarney é diagnosticado com dengue e pneumonia, diz hospital

Bruno Bocchini
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – Diagnosticado com dengue aguda e pneumonia bacteriana, o senador José Sarney (PMDB-PA) está apresentando contínua melhora clinico-laboratorial, segundo boletim médico divulgado hoje (7) pelo Hospital Sírio-Libanês. Sarney continua internado na unidade semi-intensiva do hospital, em São Paulo. Não há previsão de alta.

“Após a coleta pareada de sangue o paciente foi diagnosticado com dengue aguda. Na sequência ele apresentou quadro de pneumonia bacteriana. O senador apresenta contínua melhora clínico-laboratorial e não há previsão de alta”, diz o texto do boletim médico.

O senador, internado no Sírio-Libanês desde o dia 31 de julho, foi transferido para a unidade de terapia intensiva na última quinta-feira (1º), quando apresentou “febre acompanhada de tremores”.  Ele chegou ao hospital vindo de São Luís (MA), onde estava internado no Hospital UDI para tratamento de uma infecção pulmonar.

Político e escritor, o maranhense José Sarney está na vida pública há 60 anos. Ele foi presidente da República de 1985 a 1990, presidente do Senado e governador do Maranhão. Autor de diversos livros, Sarney é membro da Academia Brasileira de Letras (ABL).

Notícias Relacionadas