Receita Federal: assessor sob suspeita redigiu a MP dos Portos

CLÁUDIO HUMBERTO

Nomeado assessor especial do secretário da Receita Federal, Ronaldo Medina ganhou a força das eminências pardas, apesar de responder a processo, na Justiça Federal, por improbidade. Ele é o autor do texto da MP dos Portos, uma das mais importantes medidas provisórias do governo Dilma. Medina é apontado pelo Ministério Público como um dos responsáveis pela norma que facilitava a importação de máquinas de jogos de azar, que são proibidas, como se fossem computadores.

Expectativa – Ronaldo Medina é réu em processo concluso para decisão do juiz Ricardo Augusto Soares Leite, da 10ª Vara Federal.

Quem acusa – O assessor do secretário da Receita Federal foi denunciado à Justiça pelas procuradoras Raquel Branquinho e Valquíria Quixadá. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas