Uma pessoa morre durante a ação em favela na zona norte do Rio

Agência Brasil

Rio de Janeiro – Um homem foi morto durante operação das polícias Federal, Civil e Militar realizada hoje (2) no complexo de favelas do Lins, na zona norte do Rio. Segundo o assessor de comunicação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar, major Ivan Blaz, a vítima morreu em confronto com policiais militares e estava com uma submetralhadora de uso exclusivo das Forças Armadas.

Três pessoas foram presas durante a ação, sendo duas foragidas da Justiça e outra em flagrante. De acordo com a Polícia Militar, o objetivo da operação era checar informações do setor de inteligência sobre a atuação do tráfico de drogas no local, que não tem uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP).

Cerca de 200 homens participaram da ação em nove favelas da região: Cachoeira Grande, Cachoeirinha, Morro do Amor, Gambá, Cotia, Árvore Seca, Barro Preto, Boca do Mato e Barro Vermelho. “O principal objetivo desta operação foi recapturar marginais do sistema penitenciário, que fugiram no ano passado do Instituto Penal Vicente Piragibe”, disse o assessor de comunicação do Bope.

Um carro roubado foi recuperado e nove motos, uma submetralhadora e drogas ainda não contabilizadas foram apreendidas. Blaz disse que as comunidades estão aparentemente tranquilas. “Houve confronto no início da operação, mas agora está tudo normalizado. As vias de trânsito próximo ao complexo estão livres, principalmente da Estrada Grajaú-Jacarepaguá.”

Notícias Relacionadas