Embaixadas dos EUA são fechadas devido a ameaças da Al-Qaeda

AGÊNCIA ANSA

Washington – O presidente da Comissão de Assuntos Exteriores da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Ed Royce, informou hoje, dia 2, que o fechamento de várias embaixadas norte-americanas programado no domingo, muitas das quais localizadas em países islâmicos, está ligada a ameaças da rede terrorista Al-Qaeda.

Centenas de fuzileiros navais estão prontos a fornecer o suporte para aumentar a segurança das sedes diplomáticas de Roma, Madri, e outros países da Europa meridional e do Norte da África, sob pedido do Departamento do Estado.

“Essas são ameaças vêm do Oriente Médio e da Ásia Central ligadas à Al-Qaeda. Obviamente serão tomadas todas as medidas necessárias para garantir total segurança aos nossos funcionários civis e militares no exterior”, afirmou Royce, ressaltando como esse tema foi central em um encontro de alguns dias atrais dentre parlamentares norte-americanos e o vice-presidente Joe Biden.

Domingo permanecerão fechadas as embaixadas norte-americanas no Egito, Iraque, Catar, Barein, Kuwait, Afeganistão, Bangladesh, Jordânia, Arábia Saudita, Argélia, Emirados Árabes Unidos, Iêmen e Líbia. O fechamento poderia ser prorrogado mesmo depois de domingo. (Ansa Brasil)

Notícias Relacionadas

1 Comentário

  1. carlos rodrigues

    vide google armas psicotronicas os EUA escravizam eletronicamente pessoas e depois ficam com receio de suas açoes infantis quem planta colhe.vide telepatia sintetica ,vide facebook mindcontrol. o teatro da vida tem consequencias nene.

Comentários estão suspensos