Cocaína avaliada em R$ 50 mil o quilo é apreendida em Lauro de Freitas

Salvador – Um quilo e meio de cocaína ‘nine-nine’, tipo exportação, que tem 99% de pureza, está entre o lote de drogas apreendido por investigadores da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), do Departamento de Narcóticos (Denarc), em operação realizada na terça-feira (23), que desativou um laboratório de refino instalado num village, em Ipitanga, no município de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Segundo o delegado-geral Hélio Jorge, a droga está avaliada em mais de R$ 200 mil e a cocaína encontrada é vendida por R$ 50 mil, o quilo. “A polícia está investigando os locais onde ela estava sendo comercializada, tendo em vista que esta cocaína é geralmente utilizada para exportação”.

No imóvel de propriedade do traficante Márcio Costa Querino, 37 anos, que conseguiu fugir, foram aprendidos também 186 quilos de maconha, prensada e a granel, 50 gramas de haxixe, balanças de precisão, uma prensa, placas de veículos e celulares.

Todo o material foi apresentado à imprensa na manhã desta quarta (24), no auditório do prédio que abriga o Denarc e o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro da Pituba, pelo delegado-geral Hélio Jorge e o titular da DTE, delegado Guilherme Machado.

Marcio conseguiu escapar ao cerco policial pelo telhado do imóvel, assim que percebeu a presença dos policiais. As investigações apontaram que no imóvel funcionava um lava a jato e uma clínica veterinária clandestina. Um diploma do curso de medicina veterinária, em nome de Marcio, foi encontrado no local. A autenticidade do documento será verificada pela polícia.

Notícias Relacionadas