Simões Filho lidera violência no pais e a Bahia tem mais 10 cidades no ranking

A Bahia tem 15 municípios entre os mais violentos do país
Simões Filho, na região metropolitana de Salvador, é a primeira no ranking das cidades mais violentas do país
A cidade de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador, foi apontada como a mais violenta do país pelo Centro Brasileiro de Estudos Latino-Americanos (Cebela) e do Flacso Brasil. A Bahia aparece também com outras duas cidades no ranking das 15 mais violentas: Mata de São João e Porto Seguro.

O ranking do Cebela foi divulgado ontem. Com 119 mil habitantes, Simões Filho foi cenário de 167 assassinatos em 2011. Em 2010, foram 214 casos, enquanto que, em 2009, foram 153. O estudo é baseado em atestados de óbito do Ministério da Saúde, dados populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e de mortalidade da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Porto Seguro, no extremo sul da Bahia, ocupa a 12ª posição do ranking. Em 2011, foram 137 homicídios registrados, contra 160 em 2010 e 129 em 2009 na cidade. Mata de São João está na 14º posição, com 42 casos no mesmo ano. Em seguida, na 19ª posição, com 131 assassinatos, está a cidade de Teixeira de Freitas, região sul. Ubaitaba aparece na 20º lugar, com 19 crimes. Itabuna, Itaparica, Lauro de Freitas, Valença e Itacaré também estão na lista.

Notícias Relacionadas

1 Comentário

  1. Silvia Caldas

    Pior seria se os casos de fato fossem devidamente registrados e encaminhados para a SSP – Ba. Sabemos que muitas vÊzes as ocorrências não se tornam públicas ou não chegam a fazer parte das “estatísticas” divulgadas.

    O cenário de violência não é diferente na Ilha de Itaparica. Profissionais reclamam que são obrigados a frequentar determinados bairros onde são recebidos por sujeitos armados. Até mesmo profissionais da área de saúde se queixam de que muitas vezes os trabalhos nas comunidades é prejudicado pelo poder de bandidos que impera e determina quem entra ou sai.

    Esta semana, mais uma vez, empresário foi assaltado em frente ao Banco Bradesco. O local tornou-se local certo para ação de bandidos. Disto não se fala.

    A situação não é pior por que muitos bandidos fazem da Ilha local de refúgio e melhor se faz ficando quieto em lugares assim. Caso contrário…………..os índices seriam alarmantes

Comentários estão suspensos