Líder do PT diz que não há fato concreto para a CPI da Copa

CLÁUDIO HUMBERTO

O líder do PT no Senado, Wellington Dias (PT-PI), declarou nesta quarta-feira (17) que não há fato concreto que justifique a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as obras da Copa do Mundo. Segundo ele, o requerimento do deputado Izalci (PSDB-DF) não respeita os critérios estabelecidos pela Constituição Federal para a criação de uma CPI. “Do ponto de vista do governo, a interpretação é de que no requerimento apresentado não há nenhum documento como prevê a Constituição”, declarou.

Para ele, é preciso analisar o pedido de Izalci antes da instalação da CPI, mesmo que ele já tenha consigo as assinaturas mínimas necessárias para começar os trabalhos da comissão. “Se instalada, certamente nós vamos trabalhar como manda a democracia, participando da composição e, a partir daí, buscando examinar os fatos que venham a ser apresentados”, concluiu. (Coluna de Cláudio Humberto)

Leia também:

Notícias Relacionadas